Pilotos e aeronaves da FACh na FIDAE 2024

Os aviadores militares irão interagir com o público e apresentar as capacidades polivalentes dos variados equipamentos de voo institucional.

Aviões de caça, apoio ao combate, treinamento, acrobacias e helicópteros da Força Aérea Chilena (FACh) serão apresentados na 23ª edição da Feria Internacional del Aire y del Espacio, FIDAE 2024, que acontecerá de 9 a 14 de abril, no lado norte do Aeroporto Arturo Merino Benítez, em Santiago, Chile.

As aeronaves, pertencentes aos diversos Grupos de Aviação que compõem as cinco Brigadas Aéreas da FACh, realizarão demonstrações aéreas e apresentações estáticas que farão parte da Exposição Aeroespacial, Defesa e Segurança com maior história e reconhecimento da América Latina.

Nestes shows o público poderá apreciar a potência dos caças F-16 Fighting Falcon Block 50, do Grupo de Aviação Nº 3; F-16 Fighting Falcon MLU, dos Grupos de Aviação nº 7 e nº 8; F-5 Tigre III, do Grupo de Aviação nº 12; e A-29B Super Tucano, do Grupo de Aviação nº 1. As asas rotativas serão representadas pelo Bell 412 e MH-60M Black Hawk, ambos do Grupo de Aviação nº 9. Da mesma forma, os pilotos GB1 GameBird do Esquadrão Halcones de Alta Acrobacia do testarão todas as suas habilidades, manobrabilidade e sincronização nestas aeronaves de alto desempenho.

Enquanto isso, na exposição estática, serão apresentadas as aeronaves de apoio ao combate: Boeing E-3D Sentry, 767, 737, KC-135 junto com o C-130 Hercules e Gulfstream G-IV, do Grupo de Aviação nº 10. Tambem estarão presentes as aeronaves remotamente pilotadas Q900 Hermes e o transporte Airbus (CASA) C212, ambos do Grupo de Aviação nº 2, acompanhados pelo DHC-6 Twin Otter e Cessna CJ1, do Grupo de Aviação nº 5, e Cirrus SR22T e ENAER T-35B Pillan, da Escola de Aviação. Além do helicóptero Bell UH-1H, cujas tripulações tiveram participação marcante e corajosa no resgate dos jogadores de rugby uruguaios em 1972, no chamado “Milagre dos Andes”. Um planador Schempp-HirthNimbus 3DT do Esquadrão de Planador do Grupo de Apresentação também estará em exibição.

Este variado material de voo e os seus aviadores militares contribuem para o desenvolvimento do Chile e prestam ajuda vital em situações de emergência. É nesta linha que a FIDAE se torna o principal ponto de encontro entre a comunidade e a FACh, um cenário favorável para o público apreciar tanto no ar como no solo as capacidades da Força Aérea.

Texto: Oscar Aránguiz, gerente de comunicações e marketing da FIDAE 2024

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

Com o objetivo de desenvolver sistemas de alta tecnologia de propulsão e de  aeronaves não tripuladas, está sendo anunciada a...

De todas as novidades da FIDAE 2024, definitivamente a que mais surpreendeu o público não foi a vinda do caça...

A atuação dos drones na guerra entre a Rússia e a Ucrânia mudou os conceitos e doutrinas do atual cenário...

Durante a FIDAE 2024, a Boeing apresentou uma atualização do programa do avião de patrulha marítima P-8 Poseidon e os...

Comentários

Uma resposta

  1. Gosto das informações sobre atividades militares de outros países e também do Brasil. Muita informação importante.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EM BREVE