Veículo de Superfície Não Tripulado da Marinha continua seu desenvolvimento

0
4391
Lancha VSNT-E durante reboque de catamarã na praia do Clube São Francisco (Foto: MB)

O Centro de Análises de Sistemas Navais (CASNAV), Instituição Científica, Tecnológica e de Inovação (ICT) subordinada ao Centro Tecnológico da Marinha no Rio de Janeiro (CTMRJ), apoiou, no período de 16 a 23 de março, no evento “Desafio Solar – Etapa Niterói”, competição náutica que contou com a participação de barcos movidos a energia solar, realizada na Praia do Clube São Francisco, no litoral de Niterói (RJ). O CASNAV empregou o Veículo de Superfície não Tripulado Experimental (VSNT-E) em fainas de reboque de embarcações em travessias curtas, abrindo uma nova possibilidade de emprego.
A convite da organização do Desafio, o VSNT-E permaneceu atracado em exposição, quando foram realizadas demonstrações sobre automação de controle, comunicação, visão computacional e possibilidades do sidescan (sonar de varredura lateral utilizado em levantamentos hidrográficos e em atividades de caça de minas).

O VSNT-E é resultado da prospecção tecnológica da Marinha na área de conhecimento de “Sistemas Autônomos”. Ele materializa um esforço coordenado pelo CTMRJ, contando com a participação do CASNAV, do Instituto de Pesquisas da Marinha, do Centro de Apoio a Sistemas Operativos, da Base de Hidrografia da Marinha em Niterói e do Centro de Guerra Acústica e Eletrônica da Marinha.

Veículo de Superfície Não Tripulado em exposição durante o evento (Foto: MB)

Fonte: Marinha do Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here