Uruguai recebe doação de material militar da China

O Ministério da Defesa do Uruguai recebeu do governo da República Popular da China uma doação de materiais militares, no valor de quatro milhões e meio de dólares, que serão utilizados por suas três forças armadas.

“A doação consiste numa quantidade significativa de materiais de muito boa qualidade, que ultrapassa os 4 milhões de dólares, e vai desde equipamentos de proteção para a infantaria, que destinam aos fuzileiros navais, capacetes, equipamentos de comunicação e visores noturnos, ou seja, uma série de materiais que sem dúvida darão uma contribuição significativa para uma série de tarefas que realizamos ”, explicou o Ministro Javier García.

“Alguns vão ser usados ​​na fronteira, como equipamentos de comunicação compatíveis. Para as diferentes forças, permite-nos, em um local onde fazemos operações coordenadas, ter rádios de frequências semelhantes. Que cada força possa se comunicar com outra na mesma frequência é algo que historicamente trouxe problemas ao Uruguai”, destacou García.

Desta forma, é finalizado o acordo de assistência militar gratuita assinado em abril de 2019 em Pequim entre os dois ministérios.

Os materiais foram entregues ao Serviço de Material e Armamento do Exército, que será distribuído pelo Estado-Maior de Defesa a cada uma das forças.

“É a décima primeira doação militar da China ao Uruguai, desde o estabelecimento das relações diplomáticas em 1988”, explicou o embaixador da República Popular da China, Wang Gang.

“Nos últimos anos, a China tornou-se o primeiro parceiro comercial do Uruguai, o maior mercado e o primeiro cooperador. Nesse sentido, sempre quisemos contribuir com nosso grão de areia para o desenvolvimento do Uruguai e a construção de suas Forças Armadas, que também são grandes amigas das Forças Armadas chinesas, esta doação é um sinal de carinho das Forças Armadas. Chineses aos seus homólogos uruguaios”, acrescentou o embaixador.

“Já iniciamos um novo processo de assinatura de um novo acordo de cooperação entre o Ministério da Defesa da China e o nosso Ministério da Defesa, para revalidar, seguramente em outros tipos de materiais para o próximo ano, uma doação muito significativa e apreciável”, explicou. Ministro Garcia.

Os materiais doados foram:

  • 700 equipamentos de proteção para infantaria tipo FBF-B-PF08;
  • 30 equipamentos de visão noturna para capacete tipo IR580 C;
  • 100 miras noturnas para fuzis tipo BOE-007;
  • 2.000 coletes balísticos tipo PF-R053;
  • 3.000 capacetes balísticos tipo V-GREAT PF-03-PX;
  • 20 rádios táticos HF MR 9360 MANPAK;
  • 10 rádios táticos HF MR 9360 FIX 125W.

Fonte: Ministerio de Defensa de Uruguay

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

Empresas brasileiras destacam inovações e capacidades no cenário internacional A Associação Brasileira das Indústrias de Materiais de Defesa e Segurança...

Para celebrar os feitos dos mais de 25 mil homens e mulheres brasileiros que lutaram na 2ª Guerra Mundial, o...

Desde 1º de janeiro de 2023, o dr. Artur José Dian ocupa o cargo de Delegado-Geral da Polícia Civil do...

Em um surpreendente anuncio ocorrido hoje, dia 11 de junho, a empresa franco-germânica KNDS informou que encerrou as negociações de...

Comentários

6 respostas

  1. ahaaaa! o haiti e aqui! lavem os sinos para dominar tudo. o gigante dorme em berço esplêndido.
    e duro ver toda a américa latina ser colonizada por migalhas! … aonde botafogo se encontra as escondidas com embaixador chinês , e também um ministro do STF.
    aonde estão os heróis da pátria! o VERDE,AZUL,E BRANCO.

  2. Tudo como antes no quartel dos Abrantes!! Reino Unido, França e EUA mais recente e de monte fizeram isso! Muito natural q, a segunda potência global também o faça! Simples assim. Segue o baile na AL.

  3. kkkkkkkkkkkkk. ouço prantos e rangeres de dentes. e os chineses, que planejam tudo com décadas à frente, vão de passo a passo. mas os uruguaios não são burros. não ofendem o MAIOR parceiro comercial que possuem. mas todos fiquem tranquilos: em 10 anos estarão falando mandarim fluentemente nas academias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DISPONÍVEL