Solenidade marca os 78 anos da vitória dos Aliados na 2ª Guerra Mundial

Na sexta-feira passada, 26 de maio, a Associação dos Ex-combatentes do Brasil, sede Brasília, realizou uma cerimônia comemorativa à vitória das tropas aliadas na 2ª Guerra Mundial. O evento ocorreu no contexto das celebrações alusivas ao Dia da Vitória (8 de maio) e teve por objetivo homenagear os homens e mulheres que combateram o nazifascismo contribuindo para o reestabelecimento da paz e da liberdade mundial.

A cerimônia contou com a participação de autoridades civis e militares como o general de brigada Ernesto, maior autoridade do Exército Brasileiro (EB) naquele local, e do capitão R1 Edson Borges Lima, ex-combatente da 2ª Guerra Mundial.

Uma equipe feminina, usando uniformes típicos daquele conflito, homenageou as bravas enfermeiras brasileiras que atuaram em favor da Força Expedicionária Brasileira (FEB) na Itália. Elas, juntamente com alunos do Colégio Militar de Brasília – CMB e do Colégio Militar Dom Pedro II do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal, entregaram uma corbélia de flores ao monumento do Soldado da FEB.

A solenidade contou ainda com a presença de civis e militares da cidade de Brasília, bem como de representantes do Colégio Tiradentes – Polícia Militar do Distrito Federal e da escola católica Sagrada Família.

Durante o seu discurso, o gen Ernesto destacou a importância do trabalho da Associação dos Ex-Combatentes do Brasil – Sede Brasília (AECB/DF) na manutenção da memória e história do Brasil. Também foi ressaltada a participação feminina na FEB, com o coral e a banda do CMB entoando o “Hino à Mulher Brasileira”, canção criada para homenagear as citadas profissionais de saúde. Lamentavelmente, em 2023, a sra. Virgínia Portocarrero, última enfermeira viva a participar do esforço de guerra, veio a falecer, encerrando um capítulo de glória da história da mulher brasileira e de toda a FEB.

Por fim, a cerimônia contou com a exposição de imagens da época, de materiais da FEB e de itens capturados das tropas nazistas.

O Brasil foi o único país da América Latina a enviar tropas para combater no Teatro de Operações da Europa. A FEB realizou diversos feitos naquele conflito, dentre eles a conquista de Monte Castelo, a conquista de Montese e a captura de 148ª Divisão de Infantaria Alemã, perfazendo um total de quase 15 mil prisioneiros de guerra.

A AECB/DF é uma entidade sociocultural sem fins lucrativos criada em 1960 para manter essa história viva por meio de iniciativas públicas e da criação e da manutenção do museu referente à 2ª Guerra Mundial.

 

Conheça o relevante trabalho a AECB e visite o museu em Brasília.

Endereço: Associação dos Ex-combatentes do Brasil sede Brasília, SGAN 913, módulo F, Asa Norte, Brasília – DF

Telefones (61) 98321-9433 ou (61) 3274-1727 (tratar com sra Laurinda)

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

Com o objetivo de desenvolver sistemas de alta tecnologia de propulsão e de  aeronaves não tripuladas, está sendo anunciada a...

De todas as novidades da FIDAE 2024, definitivamente a que mais surpreendeu o público não foi a vinda do caça...

A atuação dos drones na guerra entre a Rússia e a Ucrânia mudou os conceitos e doutrinas do atual cenário...

Durante a FIDAE 2024, a Boeing apresentou uma atualização do programa do avião de patrulha marítima P-8 Poseidon e os...

Comentários

Uma resposta

  1. Faltou citar a presença dos membros do Grupamento Apollo Rezk – GAR, devidamente trajados com o fardamento da FEB e com a exposição dos seus Jeep’s militares.

    O GAR é uma associação civil, sem fins lucrativos, que tem em seu nome a justa homenagem ao Ten. Apollo Miguel Rezk, ganhador de todas as comendas militares de batalha, além das comendas militares por bravura Silver Star (3a maior comenda americana) e Distinguished Service Cross (2a maior comenda americana), fazendo do Ten. Apollo o soldado brasileiro mais condecorado da FEB.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EM BREVE