Nota de Falecimento: Delegado Adriano Cardozo Neto (GOE-PCSP).

7
30184
Nota de Falecimento: Delegado Adriano Cardozo Neto (GOE-PCSP) - 3º da esquerda para a direita.

E com tristeza e pesar que comunicamos o falecimento do Delegado de Polícia Dr. Adriano Cardozo Neto, da Polícia Civil do Estado de São Paulo e ex-supervisor do Grupo de Operações Especiais (GOE), a época subordinado ao Departamento da Capital (Decap).

Segundo apresentação na sua conta do Instagram “Adriano Cardozo, Delegado de Polícia, GOE 01 (fundou a unidade), Piloto Policial de Helicóptero, DiveMaster PADI.Black Belt JJ. IRONMAN 70.3.Surf.“Looking for Trouble.”♠️⚡️3♣️

A Revista Tecnologia & Defesa teve a oportunidade de conhecer o trabalho desse valoroso policial e sua equipe de operadores policiais especiais em duas ocasiões, uma durante matéria produzida pelo jornalista Roberto Caiafa cobrindo os treinamentos do Comando de Operações Especias do Exército Brasileiro e demais forças especiais das polícias estaduais, em 2016, antes da realização dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, matéria de capa da edição especial nº 18.

A outra se deu através de um trabalho extenso e completo sobre o GOE, matéria para T&D Segurança Edição Especial Nº 20, produzida por João Paulo Moralez, texto e fotos (que ilustram esta homenagem), em 2018.

Na foto de abertura da nota de falecimento, a capa de T&D Segurança Nº 18, o delegado Dr. Adriano é o 3º da esquerda para a direita.

Comprovando seu bom humor, no dia desta foto, enquanto os demais estavam com as jugulares no padrão, ele declarou “vou sair no padrão 2ª Guerra Mundial Band of Brothers, faz a foto aí Caiafa” – e não colocou a jugular, no que todos os presentes riram muito da situação…

Depoimento do jornalista João Paulo Zeitoun Moralez sobre o delegado: “Conheci o Adriano quando fui fazer uma matéria no Grupo de Operações Especiais (GOE), quando ainda era parte do DECAP. Depois de entrevistar o Supervisor, pedi orientações de como proceder com as fotos do Grupo. A resposta instantânea: Fala com o Adriano, ele vai agilizar isso para você. E foi. Fizemos fotos na base, no rapel, na na viatura, num prédio em obras, de tudo o que era jeito. As melhores fotos de polícia, que eu tenho, foram com ele.

Assumiu como Supervisor do GOE por um curto período. Saiu em agosto de 2019 quando o GOE passou para a DEMACRO.

Tinha um currículo invejável, para poucos, com curso nos EUA, Emirados Árabes e Suíça. Fora um monte de cursos no Brasil. Foi para o SAT.

Eu estava esperando ele se adaptar no voo para fazer umas fotos com ele no Pelicano da Civil. Não deu tempo. Ele gostava muito dessa foto (abaixo), por isso, fica a homenagem. Onde quer que vc esteja, vá em paz, amigo”.

Que Deus receba sua alma em altíssima conta, serviu ao seu País com honra e dignidade, protegendo uma sociedade por vezes doente e mesquinha, que não compreende a importância do trabalho policial exceto quando precisa da Polícia…

 

7 Comentários

  1. Tristeza, muita tristeza
    Não consigo parar d chorar
    Admiro muito o Delegado Adriano, a maneira dele lidar com a bandidagem, o jeito..
    Q os bons espíritos o acolham em tua nova morada
    Saudade sempre

  2. Como brasileiro, é imensamente entristecedor ver a partida dos bons, dos competentes, dos dedicados, dos valorosos. É o tipo de profissional inspirador aos que o acompanham, embora continue sendo exemplo aos que ingressam nas forças policiais. Que seja sempre lembrado.
    Aos familiares e amigos, meus profundos e sinceros pêsames, pela perda irreparável.

  3. Saber do seu falecimento me deixou triste,,,uma pessoa admirável ,,tive o prazer de conhecer,,de um coração enorme,,e um bom humor ótimo..descanse em paz e que sua trajetória seja exemplo para um país ainda precário nesse

  4. Nossa!! É muito triste saber que morreu um cidadão de bem que combatia o crime organizado, descanse em paz guerreiro..

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here