2 Comentários

    • Ola Carvalho, obrigado pelas palavras.
      Nos anos 70 e 80, o único veículo sobre rodas com canhão disponível para exportação eram os Panhard AML-245C (ou AML-90), 4×4, que eram mais baratos, e os ERC 90, 6×6, porem bem mais caros e sofisticados.
      O ENGESA EE-9 Cascavel era um 6×6 com uma proposta mais simples, mais barata, porem igualmente eficiente.
      O Termo melhor é algo complicado, porem deve-se ter em mente que o Cascavel tinha versões bem simples e baratas, e outras, como a M4, que eram mais sofisticadas, ou seja, a vantagem que o Cascavel tinha é que, já nos anos 70/80 ele apresentava um conceito de customização que só veríamos décadas depois, com os chineses.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here