HENSOLDT apoia o controle de fronteiras na Europa

A tecnologia optrônica desenvolvida pela HENSOLDT fortalecerá a vigilância marítima da Agência Europeia de Fronteiras e Guarda Costeira (Frontex) no Mar Mediterrâneo e contribuirá para a proteção da fronteira estratégica da Europa com o sudeste.

No âmbito de um programa piloto de tecnologia, o sistema de câmeras infravermelha eletro-óptica ARGOS-II HD será implantado em dois aeróstatos e proporcionará uma ampla vigilância de segurança, e operado pela Frontex, que tem o mandato de proteger as fronteiras externas da União Europeia e garantir a integridade territorial dos Estados membros.

Sistema de observação ARGOS II (Imagem: HENSOLDT)

Andreas Hülle, chefe da Divisão de Optrônica da HENSOLDT, diz: “Esta tecnologia inovadora oferece à Frontex a capacidade de monitorar uma linha costeira marítima muito estratégica e coletar dados críticos. Esta é uma capacidade que foi identificada como uma prioridade estratégica tanto pela UE quanto pelas Nações Unidas”.

O ARGOS-II HD faz parte de uma solução integrada que consiste em sensores avançados instalados em dois aeróstatos, fornecidos pela CNIM Air Space, amarrados nas ilhas gregas no Mar Egeu. Em altitudes de várias centenas de metros acima das ilhas anfitriãs, o sistema ARGOS-II cobre um alcance de até 40 km e pode detectar tanto navios grandes quanto pequenos e monitorar as atividades com excepcional clareza e detalhe. Está em operação 24/7, dia e noite, mesmo em condições climáticas adversas. A câmera de imagem térmica de zoom contínuo registra as imagens e transmite vídeo e dados em tempo real para as estações base no solo.

“Argos II é um dos melhores sensores de ar no mercado atual e fornecerá à Frontex informações precisas e em tempo real sobre as atividades no ambiente marítimo e lhe permitirá analisar situações e iniciar as respectivas contramedidas”, diz Mischa Niedinger, diretora de vendas de sistemas aéreos da HENSOLDT.

O sistema ARGOS-II HD pode ser instalado em aeronaves de asa fixa, helicópteros, veículos aéreos não tripulados e aeróstatos. Ele é amplamente utilizado em operações de proteção de fronteiras, busca e resgate, patrulhas marítimas, aplicação da lei e proteção de ativos. Ele já é amplamente utilizado nos ambientes de segurança e vigilância, inclusive pela Polícia Federal Alemã, onde é implantado em operações de combate ao contrabando, tráfico ilegal e segurança de fronteiras.

Um Pod SCAR, com sistema Argos II, em um Twin Otter Viking (Imagem: HENSOLDT)

Fonte: HENSOLDT

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

Durante a Eurosatory 2024, que esta ocorrendo no Centro de exposições Paris-Nord Villepinte, localizado nos arredores de Paris, a empresa...

Variante com uma nova torre é  apresentada na feira de Paris A BAE Systems está apresentando o CV90MkIV com uma...

Na quarta-feira (12), o mercado de defesa se agitou com a notícia divulgada pelo portal britânico Janes de que o...

A AVIBRAS Indústria Aeroespacial S/A, que em tempos passados foi considerada uma das maiores empresas  de defesa do mundo, mas...

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DISPONÍVEL