F-35 Lightning II faz pouso de emergência em São Pedro da Aldeia

No ultimo sábado, dia 18 de maio, às 16h29 local, um caça Lockheed Martin F-35C Lightning II da US Navy fez um pouso de emergência na Base Aeronaval de São Pedro da Aldeia (BAeNSPA), no Rio de Janeiro, depois de declarar emergência por baixo combustível. O caça pertence ao esquadrão VFA-147 “Argonauts”, tem o código AG-316 e faz parte do Carrier Air Wing 14, tendo sido acompanhado por um F-18F Super Hornet de código AG-211 (registro 165592), do VFA-103 “Jolly Rogers”, que também pousou em São Pedro da Aldeia. As aeronaves estão embarcadas no super porta-aviões USS George Washington (CVN-73) que está faz passagem pelo litoral do Rio de Janeiro e compõe o  Carrier Strike Group (CSG) 10.

O navio está participando da Operação Southern Seas 2024 durante a sua viagem de circunavegação da América do Sul como parte do deslocamento para o Japão. Além de treinamentos com o Brasil, estão previstas manobras com a Argentina, Uruguai, Chile, Colômbia, Equador e Peru.

Durante um dos voos de treinamento, por problemas de sequenciamento de pouso no USS George Washington, o caça atingiu o limite de combustível quando estava a 87km ao sul de São Pedro da Aldeia. Após declarar emergência, a aeronave efetuou o pouso em segurança seguido pelo F-18F que cumpria a missão de reabastecedor com o sistema “buddy store”.

As aeronaves decolaram por volta da hora do almoço no domingo, pousando minutos depois no porta-aviões.

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

A Condor Tecnologias Não Letais anunciou detalhes dos integrantes do Conselho de Administração, após a recente aquisição de uma participação...

Acordo entre França, Bélgica, Chipre, Estônia e Hungria, assinado em 19 de junho, celebra a cooperação estratégica para a aquisição...

A KATIM, uma empresa do Grupo, e a Thales começarão a discutir o co-desenvolvimento de tecnologias de rádio definido por...

Durante a Eurosatory 2024, que esta ocorrendo no Centro de exposições Paris-Nord Villepinte, localizado nos arredores de Paris, a empresa...

Comentários

14 respostas

  1. Muito estranho: o Argonauts recebeu seus F-35C (de pousos e decolagens comuns, não VTOL) em 2018 e a unidade tem os aviadores mais experientes no tipo, que é exclusivo da US Navy.

    1. Qual seria a “estranheza”? Leia e releia umas 200 vezes o texto,se for preciso,e talvez vc entenda o que aconteceu. Ou não…

  2. … Pousos das Aeronaves US NAVY USA., foi um. pouso de emesingy…, nao há motivos para pânico., boa sortes as Pilotos. estadunidenses….

  3. Somente enalteceram o F-35. Que maravilha ter dois belos exemplares no solo brasileiro! faltou mesmo a foto do F-18!

  4. VFA-103 jet 211 should be a F/A-18E model, and ‘165592’ is not a Super Hornet bureau number. Please re-check

  5. qual foi a emoção dos caras ao ver belas aeronaves pousando na base

    – wow sera que compramos
    – serei eu dar uma voltinha , antes do almirante
    -ver nao custa nada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DISPONÍVEL