Exército recebe seu primeiro LMV-BR

6
15043

No dia de hoje, 27 de abril, na unidade da Iveco Veículos de Defesa de Sete Lagoas, no Estado de Minas Gerais, ocorreu a cerimônia de entrega da primeira viatura blindada multitarefa – leve de rodas (VBMT-LR) 4X4 LMV-BR ao Exército Brasileiro (EB).

A viatura foi entregue a uma comissão de recebimento da Diretoria de Fabricação (DF) do EB, em uma cerimônia com poucas pessoas devido a pandemia de Covid-19, e será  encaminhada para avaliação, com supervisão do Centro de Avaliação do Exército (CAEx), para sua homologação operacional.

Esta viatura faz parte do primeiro lote, de 32 unidades e que as restantes serão entregues até 2022, como parte do processo de modernização dos meios do EB.

Os veículos desse lote são fabricados na unidade de Bolzano, na Itália, mas sua montagem final e integração de sistemas de armas e comando e controle (C2), é realizada na unidade de Sete Lagoas, com a utilização de diversos componentes nacionais. Seu índice de nacionalização aumentará com os próximos lotes.

Relembrando o Programa VBMT-LR 4X4

Desde meados da década passada, o EB manifestava interesse na possível aquisição de um blindado 4X4. Inicialmente, os estudos da Nova Família de Blindados Médio sobre Rodas (FBMR), depois transformado em Programa Estratégico do Exército (Prg EE) GUARANI, contemplavam a aquisição de uma viatura blindada de reconhecimento leve sobre rodas (VBR-LR).

Em 29 de novembro de 2013, o Estado-Maior do Exército (EME) aprovou o estudo de viabilidade do veículo dessa categoria, agora renomeado como Viatura Blindada Multitarefa, Leve Sobre Rodas (VBMT-LR), basicamente um blindado da classe 4X4, com um peso máximo de oito toneladas, capacidade de carga de uma tonelada, e espaço para uma guarnição de cinco homens. Posteriormente foi revelado que o EB teria a intenção de adquirir um total de 186 unidades,  divididos em um lote inicial de 32 e dois de 77.

Diversas empresas apressaram-se em participar desse programa, no entanto, apenas os modelos IVECO M65 LMV, AVIBRAS/RTD Sherpa Tupi, INBRA Gladiador BLSR, BAE Systems RG32M LTAV e AM General/PLASAN MLTV se apresentaram, dentro dos prazos, para os testes no Centro de Avaliação do Exército (CAEx). No Diário Oficial de 03 de outubro de 2014, foi anunciado a pré-qualificação de todos os veículos, exceto o da INBRA, que foi desclassificado por não atender os Requisitos Operacionais Básicos (ROB), definidos em edital.

No dia 06 de abril de 2016, o Escritório de Projetos do Exército (EPEx), em Reunião Decisória Especial, publicou que a viatura Iveco LMV foi declarada vencedora. O contrato de aquisição do primeiro lote foi assinado em 06 de outubro de 2019.

Com informações e imagens da IVECO

6 Comentários

  1. Acredito que a camuflagem aplicada nesta VBMT-LR 4X4 LMV-BR deveria ser a padrão do Exército Brasileiro, assim como também a do ASTROS II / 2020 e da VBTP-SR 6×6 GUARANI. Lamentável observarmos as VBTP-SL M113BR, além das VBC OAP M109A5, p.ex., saírem da revitalização realizada no Parque Regional de Manutenção/5 (Curitiba – PR) com uma camuflagem quase desbotada, parecendo faltar verba para a pintura final.

  2. Muito bom, espero que venham mais IVECO M65 LMV, estes modelos substituirão quais veículos, Paulo ? E era previsível que a IVECO ganhasse essa concorrência.

    • Adriano, eles serão empregados, em um primeiro momento, pelos esquadrões de reconhecimento e de comando, substituindo as VTL Rec 4×4 Agrale Marruá AM11 e outras VTNE 4×4, nas unidades mecanizadas.

  3. Alguém sabe o que foi feito com os 12 Ivecos mais antigos que foram adquiridos durante a intervenção na segurança do Rio? Lembro que eles ainda possuíam pintura no padrão do exército italiano.

    • Os 16 (e não 12) VBMT-LR 4×4 Lince K2 estão operacionais no 15º Regimento de Cavalaria Mecanizado (Escola) (15º R C Mec (Es)), no Rio de Janeiro (RJ).

  4. Boa tarde a todos
    Muito bem apresentado pela a bela italiana IVECO.
    Mas sou mais os AM 200 da AGRALE MARUA, pois além de ser genuinamente BRASILEIRA tem uma FORÇA de dar orgulho.
    O mesmo MARUA já faz parte dos corpos de fuzileiros e exército.

    O melhor de todos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here