Embraer e SAMI assinam memorando de entendimento para cooperação

A SAMI, principal companhia de defesa e segurança da Arábia Saudita e integrada do fundo de investimento público local, e a Embraer assinaram hoje um memorando de entendimento (MoU) para início de cooperação em suas respectivas indústrias aeroespaciais, com prioridade para Defesa e Segurança.

O acordo busca ampliar a presença de ambas as empresas no Reino da Arábia Saudita, com os objetivos conjuntos de promoção das capacidades do C-390 Millennium e do fornecimento de suporte local associado aos requisitos do Ministério da Defesa do Reino da Arábia Saudita. A SAMI e a Embraer também trabalharão para estabelecer uma ampla capacidade de manutenção das aeronaves da Embraer no país. Nesse sentido, ambas as empresas também têm como alvo o estabelecimento de um centro regional de MRO (manutenção, reparo e revisão, na sigla em inglês) e de uma linha de montagem final para o Embraer C-390, bem como a integração do sistema de missão no Reino da Arábia Saudita. Além disso, a Embraer e a SAMI estão engajadas em atividades de treinamento, o que possibilitará a abertura de novas oportunidades no setor aeroespacial do Reino da Arábia Saudita e região.

“Estamos muito satisfeitos pela assinatura do acordo com a Embraer, que poderá trazer novas instalações de suporte e produção no país. O crescimento em escopo de negócios e de capacidades destaca a dedicação da SAMI em avanço e apoiar nosso desenvolvimento do setor aeroespacial no Reino Unido da Arábia Saudita. É mais um passo importante nos esforços da SAMI em apoiar a Visão Saudita 2030, para fortalecer a autossuficiência do país em defesa e contribuir para a localização de 50% dos gastos com defesa no Reino da Arábia Saudita até 2030”, afirma o engenheiro Walid A. Abukhaled, CEO da SAMI. “Ainda que a expansão de nossas capacidades de MRO seja importante, a chave para esse acordo é o estabelecimento de atividades de treinamento conjunto, para apoiar o desenvolvimento de talentos sauditas e a transferência de habilidades no setor aeroespacial”, completa.

“Estamos muito satisfeitos com a assinatura desse acordo com a SAMI. Esse é o primeiro passo para avançar na cooperação em Defesa e Segurança envolvida nas cadeias de produção entre os dois países. Com esse Memorando de Entendimento, a Embraer avança ainda mais em um mercado estratégico. Trabalharemos para agregar valor à indústria local, à Royal Saudi Air Force e ao Reino da Arábia Saudita”, afirma Bosco da Costa Junior, presidente e CEO da Embraer Defesa & Segurança.

O memorando de entendimento reforça os esforços da SAMI em capacitar talentos locais e contribuir para a Visão Saudita 2030 nos objetivos de ampliar o conteúdo local no setor de defesa do Reino da Arábia Saudita.

Fonte: Embraer

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

A Condor Tecnologias Não Letais anunciou detalhes dos integrantes do Conselho de Administração, após a recente aquisição de uma participação...

Acordo entre França, Bélgica, Chipre, Estônia e Hungria, assinado em 19 de junho, celebra a cooperação estratégica para a aquisição...

A KATIM, uma empresa do Grupo, e a Thales começarão a discutir o co-desenvolvimento de tecnologias de rádio definido por...

Durante a Eurosatory 2024, que esta ocorrendo no Centro de exposições Paris-Nord Villepinte, localizado nos arredores de Paris, a empresa...

Comentários

3 respostas

    1. Bom uma especie de centro de manutenção e montagem na Arábia Saudita e bem provável que o mesmo esteja interessado no KC-390

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DISPONÍVEL