CORE 21 – Realizado o assalto aeromóvel

0
861

Um assalto aeromóvel foi realizado no segundo dia da Operação CORE (“Combineted Operation and Rotation Exercises”), exercício que reúne tropas brasileiras e norte-americanas na região do Vale do Paraíba, em São Paulo, até 16 de dezembro.

Nesta terça-feira, dia 07 de dezembro, 22 aeronaves do Comando de Aviação do Exército (CAvEx) foram empregadas na atividade. Na manobra integrada, a força-tarefa aeromóvel decolou com tropas dos dois Exércitos a bordo. Os militares norte-americanos (US Army) são da 101ª Divisão de Assalto Aéreo.

Sob o comando da força de superfície, os militares simularam a conquista e manutenção de um local estratégico, dentro de território inimigo, além da destruição de forças oponentes.

“O final de todo esse exercício é um ganho grande e mostrou que o Exército Brasileiro não tem nada a dever. Nosso método de emprego militar é muito próximo do Exército dos EUA”, disse o comandante da 12ª Brigada de Infantaria Leve (Aeromóvel), general de brigada Rodrigo Ferraz Silva.

As aeronaves empregadas no adestramento são de quatro modelos usados pelo Exército Brasileiro: HM-4 Jaguar, HM-3 Cougar, HM-1 Pantera e HA-1 Fennec.

Após o voo, que partiu do Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/INPE), em Cachoeira Paulista, os helicópteros desembarcaram as tropas dentro do Campo de Instrução da Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN), em Resende (RJ).

Visita

Como parte das atividades do dia, as autoridades militares dos EUA e do Brasil visitaram as instalações do CPTEC, onde assistiram a uma palestra sobre as atividades do Centro.

Fonte: Comunicação Social do CMSE
Fotos: soldado Santos Carneiro

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here