Atech no Exercício Guardião Cibernético 5.0

A Atech, do Grupo Embraer, participa pelo terceiro ano consecutivo do Exercício Guardião Cibernético (EGC), um dos maiores eventos de destaque no treinamento de defesa cibernética do Hemisfério Sul, que acontecerá de 02 a 06 de outubro, em Brasília (DF).

Organizado pelo Comando de Defesa Cibernética (ComDCiber), gerido pelo Exército Brasileiro, o EGC representa um marco importante na demonstração da capacidade da Atech neste segmento relevante para a segurança nacional. A empresa traz ao Guardião Cibernético o “Sistema de Defesa Aérea – SDA”, uma solução que simula o monitoramento do espaço aéreo, recriando um ambiente com características militares, onde “vulnerabilidades” são inseridas para serem exploradas por atacantes (“Red Team”) e mitigadas por defensores (“Blue Team”).

Uma das principais características do EGC é a ênfase na cooperação entre os diferentes segmentos operadores de infraestruturas críticas. Durante o exercício, são apresentados os desafios conhecidos como “Problemas Cibernéticos Simulados” (PCS), que frequentemente afetam mais de uma infraestrutura crítica. As soluções das equipes participantes são minuciosamente analisadas, proporcionando uma oportunidade única para aprimorar a resiliência cibernética em cenários  multifacetados.

Uma aplicação notável do SDA no EGC envolve  informações inconsistentes relativas ao cenário de tráfego aéreo, resultante de um ataque cibernético. Essas informações imprecisas representam desafios para lidar com as consequências de um ataque cibernético em tempo real, demonstrando a importância crucial da preparação e prontidão no combate a ameaças cibernéticas em cenários complexos.

A Atech está comprometida em aprimorar cada vez mais sua capacidade em defesa cibernética e segurança da informação. “A participação no Exercício Guardião Cibernético fortalece essa premissa da Atech em apoiar as Forças Armadas do Brasil na proteção das infraestruturas críticas e na defesa do País contra ameaças cibernéticas que estão em constante evolução” – reforça Giacomo Staniscia, diretor de Negócios – Defesa e Segurança, da Atech. No início deste ano, a Atech participou do Locked Shields 2023, um dos maiores exercícios internacionais de defesa cibernética do mundo, realizado na Estônia.

Fonte: Atech

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

O Comando Militar do Nordeste (CMNE), nesta quinta-feira, dia 16 de maio, enviou um Hospital de Campanha (H Cmp) para...

Empresa do Grupo Embraer participa de debate sobre soluções tecnológicas que estão moldando o futuro dos grandes centros urbanos As...

Hoje, dia 16 de maio, às 18:00hs, será lançado o livro “Segurança Escolar – Prevenção multidisciplinar escolar contra-ataques ativos”, de...

Um drone do Exército Brasileiro (EB) localizou, no fim da tarde dessa terça-feira, dia 14, moradores pedindo ajuda no topo...

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DISPONÍVEL