AGR entrega mais dez morteiros de 120 mm modernizados

5
1920

No dia de hoje, 15 de outubro, o Arsenal de Guerra do Rio (AGR), subordinado a Diretoria de Fabricação (DF) do Exército Brasileiro (EB), realizou formatura militar para marcar a conclusão da modernização de mais um lote de Materiais de Emprego Militar (MEM), composto de dez morteiros pesados de 120 mm.

O processo de recuperação e modernização do morteiro 120 mm (Mrt P 120 M2 R) compreende: desmontagem de todo o material para inspeção metrológica e realização de manutenções corretiva e preventiva de peças/conjuntos do morteiro, troca de peças/conjuntos que sofreram mudanças de projeto, limpeza, fosfatização, pintura e lubrificação, fornecimento de nova caixa de acessórios, ferramental e sobressalentes e de novos aparelhos de pontaria, modelo SPOTIM M2A1, fabricados pela Ares Aerospacial e Defesa. Essas ações padronizam os morteiros 120 mm modernização, com sistemas mais robustos e confiáveis, resultando no submodelo Mrt P 120 M2A1 R, de maior disponibilidade.

Estas dez unidades apresentam uma novidade, que foi o tempo reduzido de execução da revitalização, sendo que alguns morteiros foram recebidos no primeiro semestre de 2021, para manutenção industrial, trazendo-os a condição de novos e redistribuição às organizações militares (OM) operadoras, ainda em 2021.

A modernização dos morteiros neste tempo menor que o usual se deu a partir de estudos que possibilitaram a adoção de novas metodologias, como o Sistema Toyota de Produção (TPS), entre outros fatores, prima pela otimização do tempo, material e recursos, visando minimizar a ausência desse armamento nas OM detentoras do material, possibilitando o seu poder de fogo, elevado nível operacional e capacidade combativa.

Ainda, com o objetivo de garantir a disponibilidade, o AGR finalizou a produção de 10 kits de ferramental e suprimento novos para as OM Logísticas de manutenção.

Destaca-se que a modernização do Mrt P 120 M2A1 R é realizada com o apoio da indústria local, evidenciado pelo mais de dez fornecedores contratados pelo AGR para a entrega de serviços técnicos, ferramentas comerciais e especiais, peças e subconjuntos de relevante complexidade mecânica. Contribuindo assim com a indústria nacional, geração de empregos e a independência externa na operação dessa peça de apoio de fogo às operações.

O Mrt P 120 M2A1 R é a evolução do M2, que foi projetado pelo Centro tecnológico do Exército e fabricado pelo AGR, para permitir apoio de fogo para as forças de ação rápida em qualquer teatro de operações (Fotos: AGR)

Fonte: Arsenal de Guerra do Rio

5 Comentários

    • Tambem gostaria de saber exatamente. Deste ai tem pelo que sei 140. Quando fiz a ESA 27 anos atras tinha outro modelo 120 e a maioria das om usava o 4.2 polegadas M30

      • prezados Paulo e Colombelle, numa reportagem aqui em T&D sobre a revitalização, com data de 14 de Junho de 2021, que trata de um lote de morteiros pelo AGR, o Paulo Roberto Bastos Jr, deu a seguinte resposta a um internauta, que tinha a mesma dúvida:

        “O Arsenal de guerra do Rio já fabricou e entregou 217 Morteiros 120mm raiados ao EB. No momento estão sendo fabricados mais cinco, que devem ser entregues ainda este ano”

        Por falar em MTR 120mm M2 Raiado, este será retirado do 8° GAC PQD.
        O 8° foi escolhido para receber os primeiros L119 A2, mas isso vai demandar alguns anos.
        O MTR 120 M2 não atende as necessidades das tropas paraquedistas e automóveis, tendo em vista seu limitado setor de tiro, diante da necessidade de se cobrir umas frente tão ampla.
        Essas tropas tem como peculiaridade ter uma cobertura em 6400 milésimos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here