RUAG Austrália e a manutenção dos caças F-35

0
1624

A empresa suíça RUAG Aviation anunciou que a partir de 2025, sua subsidiária da Austrália será a responsável dentro da região do Oceano Pacífico pela manutenção, reparos e overhaul de quatro itens do novo avião de combate de 5ª geração F-35 Joint Strike Fighter (JSF). As capacidades da RUAG Austrália correspondem às exigências requeridas para a execução dos procedimentos afirmou a companhia.

A RUAG Austrália está bem qualificada para estender esses serviços à frota regional do JSF e aprecia particularmente o reconhecimento concedido pelo Joint Strike Fighter Program Office, segundo destacou o comunicado da empresa.

O acordo alcançado pela RUAG Austrália é resultado de três anos de negociações e estreita colaboração com o grupo de fabricantes de equipamentos e sistemas do JSF, incluindo Honeywell, UTC Aerospace Systems, Eaton, Moog e Parker, e indústrias parceiras australianas, incluindo TAE e H.I.Fraser.

A Real Força Aérea da Austrália encomendou 72 F-35A com opção para mais 28 unidades (Imagem Lockheed Martin)
A Real Força Aérea da Austrália encomendou 72 F-35A com opção para mais 28 unidades (Imagem: Lockheed Martin)

John Teager, diretor-gerente da RUAG Austrália, disse que o acordo é reflexo da qualidade e da experiência dominadas pelo pessoal da companhia que executam serviços ao longo de muitos anos para clientes militares. O JSF será a pedra angular da Real Força Aérea da Austrália (RAAF) e de outras forças aéreas por muitos anos à frente, ponderou Teager.

A RUAG Austrália, cuja sede principal está estabelecida em Melbourne, possui unidades em cinco locais do país: duas em Victoria, Austrália do Sul, na base da RAAF localizada em Amberley e outra na base da RAAF de Williamtown. Todas essas unidades contribuirão com aprofundados trabalhos de manutenção dos JSF, enfatizou a empresa.

Dornier 228 da Aviación Militar Bolivariana (Imagem Aviación Militar Bolivariana)
Dornier 228 da Aviación Militar Bolivariana (Imagem: Aviación Militar Bolivariana)

No âmbito mundial, a RUAG tornou-se um centro autorizado de renomadas marcas como Airbus Helicopters, Bell, Bombardier, Cirrus, Cessna, Diamond, Dassault Aviation, Embraer, Leonardo-Finmeccanica (AgustaWestland), Piaggio, Sikorsky, Pilatus, Piper, and Mooney, as well as a service centre for 328 Support Services, Hawker Beechcraft, Viking e MD Helicopters. A companhia também é parceira das Forças Armadas da Suíça entre outras Forças Aéreas.

Vale lembrar que a RUAG produz, na divisão da companhia na Alemanha, o avião de transporte Dornier 228, uma aeronave versátil para enfrentar os desafios das missões especiais, transporte de passageiros e cargas.

 

Ivan Plavetz