Pilotos da FAB fazem voo solo no Gripen C

Foto 3 VooSoloGripen .
O voo solo é o ápice da etapa de treinamento básico no modelo da SAAB. (Imagem: Agência da Força Aérea)

Os capitães-aviadores Gustavo Oliveira Pascotto e Ramon Santos Fórneas, da Força Aérea Brasileira, realizaram hoje na Suécia seus primeiros voos solos no comando de um avião de combate SAAB Gripen. As missões de treinamento duraram aproximadamente uma hora e eles partiram da Base Aérea de Såtenäs, na região central do país europeu.

As duas aeronaves decolaram por volta das 11h45 (horário de Brasília) e realizaram manobras em áreas de treinamento localizadas sobre o Mar do Norte e a costa oeste da Suécia. Após o pouso, os pilotos brasileiros foram recepcionados por seus colegas da Sétima Ala da Força Aérea sueca.

Os dois pilotos da FAB começaram a voar jatos Gripen no dia 10 de novembro de 2014, entretanto, até a manhã de hoje, eles só haviam cumprido missões com a companhia de instrutores de voo. O treinamento é complementado por instruções em solo e aulas teóricas. O intercâmbio deve prosseguir até o final de abril, quando os militares estarão aptos para cumprir missões de combate com os caças.

Foto 2 VooSoloGripen .
Capitão-aviador Gustavo Oliveira Pascotto (à direita) e capitão-aviador Ramon Santos Fórneas. (Imagem: Agência Força Aérea)

Entre 2019 e 2024, a FAB deverá receber 36 unidades de jatos Gripen da versão NG.

Ivan Plavetz

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) planeja testar uma das mais avançadas tecnologias de imageamento por satélite. Isso será...

A IACIT fortaleceu sua posição no mercado ao estabelecer uma colaboração estratégica com a Omnisys Engenharia, subsidiária da Thales, e a Meteomatics,...

A MBDA assinou uma emenda contratual com a Organização para Cooperação Conjunta em Armamento (OCCAR) para aumentar as capacidades técnicas...

A equipe de Tecnologia & Defesa esteve a bordo do super navio-aeródromo USS George Washington (CVN 73), um navio de...

Comentários

DISPONÍVEL