“Operação Formosa 2016” adestra Fuzileiros Navais no Centro Oeste

Sob sol forte e em pleno cerrado brasileiro 2.400 integrantes do Corpo de Fuzileiros Navais (CFN) vindos do Rio de Janeiro estão em operação. Trata-se da “Operação Formosa 2016”, exercícios que têm por objetivo preparar os militares da Marinha do Brasil para situações das mais corriqueiras às mais extremas.

Para acompanhar parte deste treinamento, o ministro da Defesa, Raul Jungmann, e oficiais generais da Força Naval, além de observadores estrangeiros, estiveram na Fazenda Bonsucesso no começo desta semana, um campo de treino do Exército Brasileiro situado a quase 100 quilômetros do centro de Brasília.

Após assistir a exercícios de ataque e defesa, desembarque de tropas e emprego de robô para desarme de explosivo, o ministro Jungmann destacou que os fuzileiros navais constituem “a linha de frente composta por estes bravos profissionais, capacitados, com desempenho e disciplina”.

Operação Formosa

Para chegar à fazenda Bonsucesso, as tropas iniciaram deslocamento a partir do Rio de Janeiro em uma operação logística que exigiu o poder de mobilização. Até o campo de instrução foram percorridos 1.644 quilômetros. O comboio contou com 59 viaturas leves, 71 viaturas pesadas, 25 blindados e 50 ônibus.

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, assistiu a uma apresentação com detalhes da Operação (Imagem: Tereza Sobreira/MD)
O ministro da Defesa, Raul Jungmann, assistiu a uma apresentação com detalhes da Operação (Imagem: Tereza Sobreira/MD)

Após o briefing, o ministro Jungmann se deslocou para a parte externa onde ocorreram demonstrações num Posto de Controle de Trânsito (PCT). Lá, militares simularam abordar uma viatura suspeita. No para-choque do carro um explosivo identificado por robô e, em seguida, detonado.

Na outra parte, o exercício de descontaminação em decorrência de ataque por agente NQBR (Nuclear, Químico, Biológico e Radiológico).

Militares figurantes “feridos” foram encaminhados ao hospital de campanha e atendidos de acordo com o grau de ferimento.  Em seguida, o ministro percorreu os setores do hospital e conferiu as principais atividades médicas da unidade.

Exercício de descontaminação em decorrência de ataque por agentes NQBR (Imagem Tereza Sobreira/MD)
Exercício de descontaminação em decorrência de ataque por agentes NQBR (Imagem: Tereza Sobreira/MD)

Campo de treinamento

Posteriormente a comitiva seguiu para o campo de treinamento onde os fuzileiros recriaram situações guerra. O exercício começou com o lançamento aéreo de militares do Batalhão de Operações Especiais de Fuzileiros Navais, conhecido também por Batalhão Tonelero. A infiltração dos paraquedistas correspondeu à ação de reconhecimento do território.

Depois, aviões de combate AF-1 lançaram bombas e carros de combate avançaram para  o desembarque de militares em uma sequência de disparos de mísseis. Cenas que colocam à prova o preparo militar para o enfrentamento das situações mais diversas.

Ao término do exercício, o ministro Jungmann discursou para os fuzileiros. Ele destacou a importância da tropa de elite da Marinha. ‘Os fuzileiros são a primeira linha da proteção da Pátria. Vi aqui mais um exemplo de profissionalismo. Deixo aqui o meu abraço e saio com a certeza que o Brasil se encontra em boas mãos”.

Ivan Plavetz

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

No dia 19 de junho, o Centro de Avaliações do Exército (CAEx) concluiu a avaliação operacional do lote-piloto do Míssil...

Diretor de Operações da PRF e Coordenador do CORE-RS apresentarão suas experiências no atendimento à calamidade gaúcha em evento aberto...

A participação da MBDA na Eurosatory reforçou o comprometimento e a eficiência do grupo europeu em oferecer soluções de defesa...

A Condor Tecnologias Não Letais anunciou detalhes dos integrantes do Conselho de Administração, após a recente aquisição de uma participação...

Comentários

DISPONÍVEL