H135 recebe certificação para pacote de aviônicos

0
1225

O helicóptero H135 recebeu certificado da Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA) para a implantação do novo cockpit Helionix, um sistema de aviônicos projetado pela Airbus Helicopters que proporciona aos operadores mais flexibilidade e segurança nas missões.

O mesmo sistema já foi implantado nas aeronaves H175 e H145 e vem sendo esperado pelos operadores de H135, quando foi anunciado no Brasil durante a turnê de demonstração da aeronave modernizada.

Axel Humpert, chefe do Programa H135 disse: “A certificação do H135 com Helionix marca mais uma importante etapa na evolução permanente deste helicóptero. O glass cockpit Helionix com piloto automático de quatro eixos reduz significativamente a carga de trabalho do piloto e traz o helicóptero a um nível incomparável de segurança devido às funções adicionais e recursos de missão que são acrescentados às capacidades já comprovadas do H135″.

Além do piloto automático de quatro eixos, o Helionix oferece layout de cockpit  inovador que ajuda a aumentar a consciência situacional. Dotado de três grandes displays eletrônicos, o cockpit é compatível com óculos de visão noturna (NVG conforme sigla em inglês) e inclui um Indicador de Primeiro Limite que destaca os dados relevantes do motor para o piloto em um único indicador.

O Helionix reduz a carga de trabalho dos pilotos e aumenta a segurança em voo (Imagem Airbus Helicopters)
O Helionix reduz a carga de trabalho dos pilotos e aumenta a segurança em voo (Imagem: Airbus Helicopters)

De acordo com a Airbus Helicopters, graças às duas telas touchscreen de GPS/Nav/Com GTN-750, o Helionix garante um sistema único com todas as informações de GPS, navegação e comunicação integradas. O Sistema de Informações de Trânsito TAS620A, que melhora a segurança de voo ao auxiliar os pilotos na detecção e prevenção de aeronaves que cruzam a sua trajetória, é outro elemento importante fornecido pelo Helionix.

Segundo a fabricante, as entregas iniciais do H135 com cockpit Helionix estão previstas para 2017. Entre os primeiros clientes comerciais do modelo com a nova tecnologia está a Norsk Luftambulanse AS, operador aeromédico que espera um H135 em configuração Emergency Medical Services (EMS), além da Ascent Flight Training, do Ministério da Defesa do Reino Unido (MOD), órgão parceiro do serviço de formação militar para o Sistema deTreinamento para  Voo Militar do Reino Unido (UKMFTS), que selecionou a Airbus Helicopters como provedora de serviços de aeronaves de asas rotativas em maio de 2016.

Este será o primeiro cliente militar do H135 com Helionix.

Ivan Plavetz