Força Aérea de Mali conhece manutenção do Super Tucano

0
1651
Imagem 2 Mali-Super Tucano
Oficinas dos A-29 EDA será modelo para Força Aérea do Mali. (Imagem: EDA)

Integrantes da Força Aérea de Mali, acompanhados de representantes da Embraer Defesa & Segurança, conheceram na última semana o Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA)da Força Aérea Brasileira (FAB) com objetivo de adquirir conhecimentos sobre a estrutura das oficinas de manutenção dos aviões A-29 Super Tucano. O país africano adquiriu o modelo, fabricado no Brasil, e está se preparando para receber a frota.

“Foi extremamente importante [este intercâmbio] para que pudéssemos conhecer as condições das oficinas de manutenção das aeronaves que, aliás, são muito bem organizadas e funcionais, perfeitas para nos nortear na elaboração de nossa estrutura própria”, afirmou o chefe de logística da Força Aérea de Mali, coronel Modibo Traore.

A compra de seis aeronaves Super Tucano para a Força Aérea de Mali foi firmada em junho de 2015 na Paris Air Show. O acordo incluiu suporte logístico para a operação dessas aeronaves e também a instalação de um sistema de treinamento para pilotos e mecânicos. Os aviões serão utilizados para missões de treinamento avançado, vigilância de fronteiras e de segurança interna.

Segundo o chefe do projeto de compra das aeronaves Super Tucano da Força Aérea de Mali, major Drissa Koné, a expectativa é a melhor possível, pois a compra foi realizada com o objetivo de garantir a segurança do país e para a formação de novos pilotos. “Os preparativos para operar a aeronave já foram iniciados com a construção de uma base e um aeroporto voltados para esta finalidade. Uma equipe de pilotos e mecânicos virá para a Embraer, no Brasil, futuramente, para dar início aos treinamentos”, detalhou o militar.

Imagem 3 Mali-Super Tucano
Oficinas dos A-29 EDA será modelo para Força Aérea do Mali. (Imagem: EDA)

De acordo com o gerente de suporte da Embraer, Carlos Lepkoski, a opção por realizar o intercâmbio no EDA ocorreu em função da unidade ser uma referência. “A Esquadrilha da Fumaça é referência de profissionalismo em relação à manutenção de aeronaves A-29 no Brasil. Por isso, fizemos questão de realizar essa visita para ajudá-los a implantar essa estrutura em Mali também. Assim como no Esquadrão, também enviaremos representantes técnicos para Mali a fim de ajudá-los a preparar o projeto”, explicou.

O Super Tucano é atualmente utilizado por dez forças aéreas em três continentes. Também já foi selecionado pela Força Aérea dos Estados Unidos (USAF) para seu programa de Apoio Aéreo Leve (LAS – Light Air Support). Em mais de dez anos de operação, a aeronave já alcançou um significativo histórico de desempenho acumulando mais de 230 mil horas de voo e mais de 30 mil horas de combate. A Embraer já recebeu mais de 210 pedidos firmes e entregou mais de 190 unidades.

O A-29 Super Tucano é um turboélice robusto e versátil, capaz de cumprir uma ampla gama de missões, incluindo apoio aéreo tático, bem como inteligência, vigilância e reconhecimento. Com mais de 130 configurações de armamentos certificadas, o avião está equipado com tecnologias avançadas em sistemas eletrônicos, eletro-ópticos, infra-vermelho e laser, assim como sistemas de rádios seguros com enlace de dados e uma grande capacidade de transportar armamentos.

Ivan Plavetz