Altave demonstra nova versão de seu aeróstato no QGEx em Brasília

A empresa Altave, baseada em São José dos Campos (SP), realizou na última semana, no Quartel General do Exército (QGEx), uma bateria de demonstrações do seu conhecido aeróstato cativo de vigilância e observação, porém equipado com uma nova torreta giro-estabilizada TV/CCD/LASER/FLIR fornecido pela israelense IAI.

O equipamento da série POP (Plug-in Optronic Payload – POP) tem peso reduzido, excelente definição do sensor IR (sem resfriamento/cooler) e câmera CCD a cores, o que abre novas perspectivas de emprego militar pela Força Terrestre, por exemplo.

A estação de trabalho do operador de sensores: simplicidade e funcionalidade.

O produto também pode ser considerado uma excelente aquisição para incrementar a capacidade de vigilância e obtenção de inteligência para o Gabinete de Intervenção Federal no Rio de Janeiro.

Características dos aeróstatos Altave:

  • Solução aérea com melhor custo-benefício para uso persistente;
  • 5 dias de operação contínua (sem manutenção);
  • Sistema estabilizado com cobertura de 360°;
  • Compacto para transporte, instalação fácil e rápida – preparação para operação em até 30min;
  • Seguro para uso em ambientes urbanos e apto para operações em localidades remotas;
  • Operação silenciosa e ecologicamente correta.
O novo sensor POP montado em torreta giroestabilizada: telêmetro laser com capacidade autotracking, câmera CCD/FLIR diuturna com zoom/pan & tilt, baixo consumo de energia e alta disponibilidade operacional.
O sistema de ancoragem e lançamento/recolhimento do aerostato, simples e leve, envolve o uso de motor elétrico de base giratória (comandado por controle remoto sem fio) acoplado a sistema de roldana/cabo de ancoragem energizado. A cada 30 metros a cor do cabo muda, indicando a altura atingida.

Criada com know-how obtido no desenvolvimento de um produto militar, esta solução da Altave demonstrada no QGEx faz imagens de alta resolução com estabilidade a partir de uma altura privilegiada, sendo indicada para aplicação tática.

Alguns usos importantes: monitoramento de grandes eventos, multidões, etc.; suporte a operações militares/GLO/policiais; agronegócio; combate ao desmatamento; trabalhos para emissoras de TV, etc.

Todas as imagens e vídeo da demonstração: Roberto Caiafa.

Suas principais características são o fácil manuseio e resultado de altíssima qualidade.

Possui câmera FULL CCD a cores remotamente controlada para zoom e foco, com telêmetro laser com capacidade autotracking e optrônico noturno/infravermelho associado de alta definição, tudo montado em uma torreta giroestabilizada em três eixos.

Artigos Relacionados

Formulação Conceitual dos Meios Blindados do Exército Brasileiro ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO-PORTARIA Nº 162-EME, DE 12 DE JUNHO DE 2019 Documento...

Pela primeira vez no Brasil, foi realizado o reabastecimento em voo (REVO) por helicóptero, foi a chamada Operação MANGA. Na...

Decisão evitará prejuízos a empresas do setor que corriam risco de perder contratos e contribuirá para a sustentabilidade e a...

O cabo Raony Osório, da Polícia Militar do Estado de Santa Catarina (PMSC), que desde maio de 2022 está como...

O Estado-Maior do Exército (EME) publicou no Diário Oficial da União da última sexta-feira, dia 23 de fevereiro, uma nova...

A África do Sul voltou a dar andamento ao programa do míssil ar-ar de curto alcance guiado por infravermelho A-Darter,...

Comentários

Disponível

DISPONÍVEL