US Navy seleciona radar Osprey para os MQ-8C Fire Scout

0
950

A Marinha dos Estados Unidos (US Navy) selecionou o radar AESA (Active Electronically Scanned Array – Varredura Eletrônica de Matriz Ativa) Osprey da Leonardo-Finmeccanica para a nova aeronave não tripulada de asas rotativas Northrop Grumman MQ-8C Fire Scout. Essas aeronaves serão operadas a partir de navios da US Navy e empregados em tarefas de monitoramento de ameaças distantes.

O contrato com a Leonardo-Finmeccanica contempla a entrega de um lote inicial de cinco radares do modelo para o Comando de Sistemas Aeronavais (NAVAIR conforme sigla em inglês) com vistas a testes e avaliações. O NAVAIR também tem uma opção para adquirir maior quantidade de radares Osprey para emprego em missões reais.

Usando tecnologia de feixe eletrônico para executar varredura, a fabricante afirma que o Osprey possui capacidade de detectar além do alcance dos sensores padrão até mesmo  ameaças que pensam estar escondidas em segurança. Empregando ondas de rádio de alta frequência para “ver”, um MQ-8C Fire Scout equipado com Osprey pode detectar alvos a distâncias extremamente longas, durante a noite e em condições meteorológicas de tempestade quando a visibilidade fica bastante prejudicada. A tecnologia de tela plana do radar significa que ele pode ser instalado dentro da linha do molde do helicóptero ao invés da adoção de uma cobertura côncava específica.

A US Navy escolheu a versão de dois painéis (cada um contém 256 células de transmissão constituída de arseneto de gálio) do Osprey, característica que proporciona um campo de visada de 240 graus e uma ampla gama de modos digitais incluindo monitoramento meteorológico, engajamento ar-ar de alvos e indicação de alvos móveis no solo (GMTI conforme sigla em inglês).

A Leonardo-Finmeccanica afirma que a ausência de partes móveis no radar simplifica enormemente os reparos e proporciona expressiva redução de seus custos quando comparados aos dos radares alternativos. A arquitetura aberta do Osprey permitirá que a US Navy instale novos softwares com total autonomia.

 

Versão de dois painéis do Osprey foi  escolhida para equipar os MQ-8C Fire Scout da US Navy (Imagem: Leonardo-Finmeccanica)
Versão de dois painéis do Osprey foi escolhida para equipar os MQ-8C Fire Scout da US Navy (Imagem: Leonardo-Finmeccanica)

O MQ-8C Fire Scout está sendo esperado para ser totalmente integrado nas duas novas variantes do navio de combate litorâneo da US Navy que serão usados intensivamente nessas operações navais.

 

Ivan Plavetz