Tour do M28 na América Latina e Caribe

0
3234

A norte-americana Sikorsky, uma empresa da Lockheed Martin, e sua afiliada polonesa PZL Mielec estão preparando um voo transatlântico para demonstração do turboélice de transporte M28. O voo partirá do sudeste da Polônia para realizar um tour de demonstrações pela América Latina e Caribe.

O avião bimotor será demonstrado para militares e civis interessados em conhecer a capacidade de transportar passageiros e carga operando em pistas de pouso curtas, não pavimentadas ou precárias. A turnê começa em Port of Spain, Trinidad e Tobago, no dia 17 de março de 2017 e vai passar, até meados do mês de maio, por cidades do Brasil, Argentina, Equador, Colômbia, Panamá e México.

Os engenheiros da PZL Mielec aplicaram a pintura final no avião e prepararam os equipamentos necessários que vão servir para demonstrar a rápida conversão de configuração que inclui transporte de passageiros, paraquedistas, carga ou evacuação aeromédica.

O M28 é certificado pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), European Aviation Safety Agency (EASA) e Federal Aviation Administration (FAA) dos Estados Unidos para operação em temperaturas compreendidas entre -50 e +50 graus Celsius (°C).

Uma asa de alta sustentação, dois motores turbopropulsores Pratt & Whitney Canada PT6-65B de 1.100 shp (820 kW) e hélices de passo reversível delegam ao avião características únicas de decolagem e pouso curtos, segundo a fabricante.

Com carga útil máxima de 2.300 Kg (5.000 lb), o M28 pode decolar e aterrissar em pistas de pouso precárias.

(Imagem: Sikorsky/PZL Mielec)

“Quando você combina a manobrabilidade do M28 com sua grande cabine e porta traseira tipo clamshell (concha), este avião tem potência e capacidade de carga para voar perfis de missão muito diferentes”, observou Adam Schierholz, executivo regional da Sikorsky para a América Latina.

 

Ivan Plavetz