Super Tucano para os Emirados Árabes Unidos?

0
3074
Confirmando-se a encomenda dos Emirados, o pais árabe será o 13º usuário do modelo da EMBRAER .Foto Agência Força Aérea.
Confirmando-se a encomenda dos Emirados, o pais árabe será o 13º usuário do modelo da EMBRAER  .Foto Agência Força Aérea.
Caso seja confirmada a encomenda dos Emirados Árabes Unidos, será o 13º usuário do modelo da Embraer. (Imagem: Agência Força Aérea)

De acordo com declarações do Comandante da Aeronáutica, tenente brigadeiro-do-ar Juniti Saito, divulgadas na última sexta-feira (02), os Emirados Árabes Unidos estão interessados em adquirir um lote de 24 aviões A-29 Super Tucano, modelo turboélice projetado e fabricado pela Embraer Defesa e Segurança (EDS) para missões de treinamento avançado e ataque leve.

Saito informou que os árabes estão requisitando seis exemplares para entrega imediata, sendo que para atender o pedido desse lote inicial, terá que se retirar do inventário da Força Aérea Brasileira, cuja quantidade nominal é de 99 aeronaves. O militar acrescentou ainda que está sendo estudada a forma como os aviões serão transferidos para a Força Aérea dos Emirados Árabes (empréstimo, leasing, entre outras) e as bases legais para que isso seja possível.

Segundo o Comandante da FAB, uma delegação técnica virá ao Brasil em Janeiro para prosseguir nas negociações com a Embraer. Em abril de 2014 a presidente Dilma Rousseff recebeu em Brasília (DF) Mohammed Bin Rashid Al Maktoum, primeiro-ministro e vice-presidente dos Emirados Árabes Unidos. Na ocasião foi assinado um acordo bilateral com vistas à cooperação entre os dois países na área de Defesa.

Ivan Plavetz