Primeiro helicóptero HH-101A CAESAR entra em serviço na Itália

0
1187
Imagem 1 HH-101A “CAESAR”-AMI
(Imagem: Finmeccanica)

Imagem 3 HH-101A “CAESAR”-AMI……O cockpit do HH-101A reúne avançadas funcionalidades e interfaces com os sistemas de navegação emissão embarcados……..Imagem Finmeccanica.

O grupo italiano Finmeccanica e a Força Aérea da Itália (AMI conforme sigla local) celebraram a inauguração da fase de serviço operacional regular do primeiro helicóptero Agusta Westland AW101, designado HH-101A “CAESAR” pela AMI. A cerimônia aconteceu na Base Aérea de Cervia.

Quatro HH-101A do total de 15 unidades requisitadas foram entregues até o momento pela Divisão de Helicópteros da Finmeccanica em Yeovil, Reino Unido. Essas aeronaves serão empregadas para resgate de pessoal e em missões de forças especiais.

Os HH-101A possuem capacidade de desempenhar também missões de busca e resgate (SAR), evacuação aeromédica (MEDEVAC) e operações de interceptação de baixa velocidade contra aeronaves suspeitas de pequeno porte para prover efetivo suporte aéreo para as comunidades italianas.

Imagem 2 HH-101A “CAESAR”-AMI
O HH-101A está equipado para cumprir missões especiais incluindo CSAR Combat-SAR. (Imagem: Ministério da Defesa da Itália)

De acordo com a Finmeccanica, com o HH-101A “CAESAR” a AMI esta introduzindo a mais avançada e capaz aeronave de sua classe disponível atualmente para atender seus requerimentos específicos no âmbito do programa de modernização dos seus meios aéreos.

A aeronave acomoda em seu interior cinco tripulantes mais 20 soldados totalmente equipados ou seis tripulantes juntamente com oito soldados equipados para missões especiais. Esses helicópteros possuem provisões para instalação de três metralhadoras tipo Gatling M134 de 7.62 mm montadas em plataformas pivô instaladas na direita e esquerda, bem como na parte de trás do helicóptero, além de assentos dotados de blindagens, proteção balística para os operadores de armas e para sistemas críticos, além de Sistema Integrado de Guerra Eletrônica.

O HH-101A esta equipado para cumprir missões especiais incluindo CSAR Combat-SAR (Imagem: Ministério da Defesa da Itália)

Através de sua divisão de sistemas embarcados e espaciais, a Finmeccanica forneceu uma quantidade de tipos de sensores, sistemas de comunicações e de autoproteção incluindo rádios, IFF (identificador amigo-inimigo), criptografia, Link 16, sistemas de intercomunicação, radar Gabbiano, receptor de alerta laser (LWR conforme sigla em inglês) e detector de aproximação de misseis (MILDS). O HH-101A pode ser dotado também de kit para operações de reabastecimento aéreo com vistas a cumprir missões que exigem prolongados períodos de voo.

Ivan Plavetz