O radar SABER M60 nos Jogos Olímpicos

0
3291

A 1ª Brigada de Artilharia Antiaérea (1ª Bda AAAe), unidade do Exército Brasileiro sediada no município do Guarujá (SP), está se preparando para empregar o radar de vigilância aérea SABER M60 durante os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016. O propósito é contribuir para a capacidade dissuasória e proteção antiaérea do evento.

O SABER M60 (Sensor de Acompanhamento de Alvos Aéreos Baseado na Emissão de Radiofrequência) foi desenvolvido pelo Centro Tecnológico do Exército e fabricado pela empresa BRADAR (do Grupo EMBRAER Defesa & Segurança). Possui um alcance de 60 Km e consegue visualizar e classificar até 40 alvos simultâneos, transmitindo, em tempo real, para um Centro de Operações Antiaéreas.

O SABER M60 será empregado durante os Jogos juntamente com armamentos de defesa antiaérea como os mísseis RBS-70 (Imagem: Exército Brasileiro)

Em um espectro mais amplo, integra-se ao Sistema de Defesa Aeroespacial Brasileiro (SISDABRA), como parte dos sistemas de defesa antiaérea de baixa altura dotados de mísseis ou canhões antiaéreos, visando à proteção dos locais em que ocorrerão as competições.

Ivan Plavetz