Novos Blindados para a Policia Militar de Minas Gerais (Segurança Blindada)

0
4450
O coronel Helbert Figueiró, comandante-geral da PMMG, confirmou o sinal verde para a compra dos veículos, avaliados entre R$ 340 mil e R$ 350 mil a unidade.
  • O Governo do Estado de Minas Gerais lança o projeto “Segurança Blindada”, que visa aquisição de uma grande quantidade de viaturas blindadas táticas para proteger o interior do Estado.

por Paulo Bastos e Roberto Caiafa

Para combater de forma eficaz a crescente onda de crimes que vem ocorrendo no interior do Estado, o Governo de Minas Gerais está anunciando um programa de aquisição para Viaturas Blindadas de Ações Táticas Especiais, destinadas as Regiões Integradas de Segurança Pública (Risp).

Esses carros irão combater os crescentes roubos a bancos e caixas eletrônicos efetuados por quadrilhas (organizadas e muito bem armadas) que atacam cidades que não possuem grande aparato policial.

O veículo utiliza chassi Ford F-4000 P (4×4) com a customização sendo efetuada pela empresa paulista MIB Blindados Indústria e Comércio de Carrocerias Ltda. (Imagem: PMMG)

O veículo escolhido foi um blindado tático desenvolvido em parceria da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) e a empresa paulista MIB Blindados Indústria e Comércio de Carrocerias Ltda.

Desenvolvido sobre um chassi Ford F4000 P, 4×4, o projeto teve seu primeiro exemplar entregue em seis de agosto último (inicialmente no Comando de Policiamento Rodoviário), para testes no interior.

O veículo já percorreu diversas cidades mineiras e está sendo testado em Poços de Caldas, na Região Sul do Estado.

Em 10 de setembro, o governador Fernando Damata Pimentel, durante uma reunião do comitê da segurança, anunciou sinal verde para a compra. Segundo ele: “Um projeto importante que estamos entregando versa sobre a segurança regional blindada. Autorizamos a aquisição de 20 veículos de grande porte, blindados, preparados para enfrentar a questão das quadrilhas especializadas na explosão de caixas eletrônicos. Esses criminosos utilizam armamento de emprego militar como fuzis de assalto e metralhadoras pesadas. Com a disponibilidade de um veículo blindado em cada região de segurança do estado, o combate a esse tipo de ocorrência vai ganhar maior agilidade oferecendo maior segurança aos policiais envolvidos”.

O veículo utiliza chassi Ford F-4000 P (4×4) com a customização sendo efetuada pela empresa paulista MIB Blindados Indústria e Comércio de Carrocerias Ltda. (Imagem: PMMG)

O coronel Helbert Figueiró, comandante-geral da PMMG, confirmou o sinal verde para a compra dos veículos, avaliados entre R$ 340 mil e R$ 350 mil a unidade.

Os primeiros 20 carros deverão custar cerca de R$ 7 milhões, segundo Figueiró. “Inicialmente, nesta primeira fase, serão 20 blindados. Num segundo momento, planeja-se a compra de mais 20 carros visando expandir a capacidade de pronta resposta no interior do estado com uma força blindada”.

Os blindados da PMMG

A PMMG já possui uma considerável experiência com veículos Blindados táticos e para Controle de Distúrbios Civis (CDC).

Seus primeiros veículos foram adquiridos nos anos 80, com um Blindado tático, baseado em um jipe Toyota Bandeirante, 4×4, destinado ao Batalhão Florestal, e um CDC, baseado no chassi Mercedes-Benz 608D, 4×2, apelidado de “Brucutu” e destinado ao Batalhão de Choque.

Depois, ambos foram incorporados ao Batalhão de Missões Especiais (BME) quando da sua criação.

Viatura Blindada de Ações Táticas Especiais do GATE (imagem: Caiafa)

Atualmente, a PMMG alinha três veículos blindados ativos.

Dois deles foram desenvolvidos por oficiais da corporação em parceria com a empresa gaúcha Irmãos Amalcaburio, sobre a plataforma do veículo de transporte de valores da família Alcatraz, e apresentados em fevereiro de 2010.

O primeiro é um blindado tático, chamado de “Viatura Blindada de Ações Táticas Especiais”, 4×4, com o nível de proteção balística IV (de acordo com a norma ABNT-NBR 15000:2005), e foi destinado ao Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE), que em 2016 foi transformado no Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE).

O segundo, um blindado CDC, chamado de “Viatura Blindada de Controle de Distúrbios Civis”, 4×4, oferece nível de proteção balística III, e foi destinado ao Batalhão de Policiamento de Eventos (BME), atual Batalhão de Polícia de Choque (BPChq).

Viatura Blindada de Controle de Distúrbios Civis do BPChq (Imagem: Caiafa).

Já o último foi recebido no dia 21 de junho de 2014.

Em função dos jogos que seriam realizados no Mineirão, a Secretaria Extraordinária para Grandes Eventos do Ministério da Justiça (SESGE/MJ) entregou uma Viatura Blindada CDC Steel Force, 6×4, da empresa paulista Steel Truck, que deveria entrar em operação durante a partida entre Brasil e Chile (28 de junho de 2014).

Devido a vários problemas apresentados, e mesmo com todos os esforços dos mecânicos da corporação, o mesmo ficou apenas estático na porta do Mineirão.

Atualmente o carro encontra-se estacionado no BPChq.

A chegada da Viatura Blindada de Controle de Distúrbios Civis Steel Force (21 junho de 2014).

Caso essa grande compra de quarenta veículos blindados policiais venha a se concretizar, a PMMG se consolidará como a maior operadora desse tipo de veículos no país.