Marinha do México inicia operações com novo VANT

0
1340
(Imagem: Arcturus-UAV, LLC)

A Secretaría de Marina (SEMAR) do México iniciou operações de vigilância marítima com o seu novo Veículo Aéreo Não Tripulado (VANT) T-20 JUMP fornecido pela norte-americana Arcturus-UAV, LLC. O anúncio foi feito no último dia 29 de julho e especifica que a aeronave estará sendo empregada para cumprir missões na região costeira de Sonora, noroeste do México.

Esse sistema de vigilância e sua plataforma aérea foi oficialmente entregue para a Marinha do México pela Secretaría del Medio Ambiente y Recursos Naturales (SEMARNAT) no Setor Naval de Puerto Peñasco.

O almirante Vidal Soberón Sanz, secretário da Marinha, disse que o novo VANT proverá um significativo aumento  das capacidades  de vigilância e interceptação na região.

Rafael Pacchiano Alamán, secretario da SEMARNAT, informou que o T-20 JUMP contribuirá preliminarmente nos esforços governamentais para proteger uma espécie rara de golfinho encontrado apenas na parte norte do Golfo da Califórnia. A aeronave permitirá aumentar a vigilância naquela área de preservação, operando dia e noite para detectar intrusos e pesca ilegal.

A Marinha do México empregara o T-20 JUMP inicialmente na região de Sonora. (Imagem: SEMAR)
A Marinha do México empregara o T-20 JUMP inicialmente na região de Sonora. (Imagem: SEMAR)

O sistema de vigilância T-20 JUMP inclui três plataformas aéreas equipadas com sistema eletro-óptico e infravermelho giro-estabilizado Cloud Cap Technologies TASE 200 ou 400, uma estação de controle sobre rodas, antenas de controle e satelital, catapulta pneumática de lançamento das aeronaves e veiculo de suporte.

O T-20 JUMP é uma evolução do T-20 original dotada de rotores horizontais que permitem decolagens e aterrissagens verticais. O T-20 JUMP possui, entre outras características, velocidade máxima de 72 nós (133 Km/h) e tempo de permanência no ar superior a 16horas dependendo da carga útil.

Ivan Plavetz
Fonte: Jane’s Defence Weekly