Lituânia reforçará o Exército com viaturas BOXER

0
2335
A construção modular do BOXER permite nove diferentes configurações. (Imagem: ARTEC)

A Organização Europeia para Cooperação Conjunta em Armamento (OCCAR – European Organisation for Joint Armament Cooperation) e o Ministério da Defesa da Lituânia encarregaram a companhia ARTEC GmbH, joint venture formada pela alemãs Krauss-Maffei Wegmann (KMW) and Rheinmetall, para fornecer 88 viaturas blindadas BOXER para o Exército da Lituânia. As entregas estão marcadas para começar em 2017.

A produção será distribuída entre as duas companhias, sendo que 53 BOXER serão fabricados pela KMW e as demais pela Rheinmetall.

A ARTEC entregará as viaturas equipadas com armamentos de médio-calibre montados em uma torre móvel remotamente controlada. Desta forma, a família BOXER está incorporando uma versão IFV (Infantry Fighting Vehicle – Veículo de Combate para Infantaria).

As Forças Armadas da Alemanha devem acumular mais de 400 BOXER de diferentes variantes em seu inventário, sendo que parte dessa frota está em processo de contratação. As Forças Armadas da Holanda encomendou 200 unidades do modelo. Com o pedido da Lituânia, a quantidade de BOXER produzidos alcançara quase 700 exemplares.

A ARTEC afirma que o BOXER é um dos melhores veículos 8 x 8 de sua classe. Ele oferece para as tripulações máxima proteção contra minas, dispositivos explosivos improvisados (IED conforme sigla internacional) e fogo direto, ao mesmo tempo que caracteriza-se pela alta mobilidade tanto em estradas planas quanto em terrenos acidentados. Segundo a fabricante, a concepção modular dessa viatura proporciona elevada flexibilidade permitindo configuração em diversas versões e obtenção de um amplo espectro de capacidades.

Ivan Plavetz