GRPAe da PM de São Paulo receberá seu águia 32

0
10514
Grand New do GRPAe. (Imagem: Divulgação)
Grand New do GRPAe. (Imagem: Divulgação)
Grand New do GRPAe. (Imagem: Divulgação)

O Grupamento de Radiopatrulha Aérea (GRPAe) da Policia Militar do Estado de São Paulo (PMESP) receberá, até o final de novembro, um helicóptero biturbina Agusta Westland AW109 Grand New que terá a codificação operacional Águia 32.

A aquisição aconteceu por intermédio da Fundação Florestal do Estado de São Paulo, mediante empréstimo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), através de licitação internacional. A aeronave foi adquirida por aproximadamente  US$ 7.278.000. Esse AW109 Grand New é o primeiro do tipo comprado para uma organização policial brasileira. Ele será empregado em tarefas de fiscalização de áreas de proteção ambiental do estado. Esses trabalhos são realizados pelo Comando de Policiamento Ambiental da Polícia Militar e a aeronave adquirida deverá ser operada pelo GRPAe.

O novo AW 109 Grand New atuará em tarefas de proteção ambiental. (Imagem: Divulgação)
O novo AW 109 Grand New atuará em tarefas de proteção ambiental. (Imagem: Divulgação)

De acordo com os planos da PMESP, o Grand New irá atuar predominantemente no litoral paulista e ficará na Base de Radiopatrulha Aérea da Praia Grande. A opção por um aparelho biturbina se deve ao perfil operacional no qual irá atuar, incluindo sobrevoo de águas marinhas.

Atualmente o GRPAe conta com 24 helicópteros, sendo 21 Esquilos da Helibras, que são utilizados numa variada gama de operações, entre elas de policiamento e resgate, dois  Scheweizer dotados de motorização convencional utilizados para treinamento de pilotos e um Airbus Helicopters EC-135 para transporte VIP.

Ivan Plavetz

Fonte: Livre Pouso Brasil via Piloto Policial