GOE de São Paulo realiza teste físico para Curso de Operações Policiais no Paraná

0
1695
Se aprovados em todas as etapas, os policiais realizarão um curso operacional incluindo aulas de defesa pessoal, patrulhamento marítimo, conhecimentos em armamento e tiro, condicionamento físico, conduta de patrulha de alto risco, cumprimento de mandados, mergulho, paraquedismos e CQB (confronto em ambiente confinado).

Como parte da preparação para o Curso de Operações Policiais (COP), do Centro de Operações Policiais Especiais – COPE/PR, sete membros do Grupo de Operações Especiais da Polícia Civil do Estado de São Paulo realizaram um Teste de Aptidão Física completo em 10 de julho passado.

A atividade foi feita com colaboração da Academia 24 horas Premium Tatuapé, que disponibilizou profissionais e a sua estrutura para acompanhar e validar o treinamento dos policiais.

Os testes incluíram exercícios de barra fixa, abdominal, flexão de braço e corrida de 5.200m em esteira, simulando as mesmas condições pelas quais esses policiais deverão passar nos exames classificatórios do curso, que possui apenas 10 vagas para policiais civis de todo o Brasil.

Além deste existem ainda o exame de saúde, proficiência de tiro e entrevista.

Se aprovados em todas as etapas, os policiais realizarão um curso operacional incluindo aulas de defesa pessoal, patrulhamento marítimo, conhecimentos em armamento e tiro, condicionamento físico, conduta de patrulha de alto risco, cumprimento de mandados, mergulho, paraquedismos e CQB (confronto em ambiente confinado).

Com um efetivo de 100 policiais aproximadamente, GOE é subordinado ao Departamento da Capital (DECAP) tendo quase 30 anos de existência e com excelentes serviços prestados no atendimento ao judiciário, a Polícia Civil paulista e a população.

Seus policiais passam constantemente por treinamentos e cursos de aperfeiçoamentos como o COP, uma condição permanente para que possam continuar combatendo a criminalidade em São Paulo com eficiência e baixo risco de dano colateral.

O atual supervisor do GOE, Dr. Adriano Cardozo Neto, possui o brevê do COP e é um dos incentivadores para que policiais do grupo de elite paulista participem deste curso no Paraná, um dos mais exigentes e completos cursos do país em termos de operações policiais especiais.

Adriano Cardozo, além de ser piloto de helicóptero, possui cursos na Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE RJ), Swat Orange County, Swat Scorpion Police em Zurique (Suíça), BOPE (RJ), mergulhador policial pelo Comandos e Operações Especiais da Polícia Militar do Estado de São Paulo, curso de mergulho pelo Corpo de Bombeiros entre outros.