Fuzileiros Navais encerram manobra

0
3703
td_subex_01
(Imagem: Ronaldo Olive)

Na última sexta-feira, dia 3 de julho, foi encerrada a manobra SUBEX-REF 2015, adestramento anual em larga escala realizado pelo Corpo de Fuzileiros Navais na região de Itaóca, no litoral sul capixaba.

Com duração total de doze dias, e envolvendo cerca de 700 militares e 50 viaturas de diversos tipos, incluindo seis CLAnf (Carros Lagarta Anfíbios), o exercício foi realizado sob a coordenação do Comando da Tropa de Reforço, cuja sede está situada da Ilha das Flores, no município de São Gonçalo (RJ).

O objetivo principal foi o de adestrar a TrRef no cumprimento de suas missões de apoio ao movimento (mobilidade e contramobilidade) a um Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais no nível Brigada Anfíbia. No final, mais uma vez ficou comprovada a perfeita integração entre os diversos componentes da TrRef que ali atuaram, como o Batalhão de Logística de Fuzileiros Navais (BtlLogFuzNav), o Batalhão de Engenharia de Fuzileiros Navais (BatEngFuzNav), o Batalhão de Viaturas Anfíbias (BtlVtrAnf), a Unidade Médica Expedicionária da Marinha (UMEM), a Companhia de Polícia (CiaPol) e a Companhia de Apoio ao Desembarque (CiaApDbq).

Vale ressaltar que a Área de Apoio Administrativo (AApAdmn) de Itaóca está subordinada à Base de Fuzileiros Navais da Ilha das Flores (BFNIF). Também dando apoio à manobra, foi registrada a presença de uma Companhia do 1º Batalhão de Infantaria de Fuzileiros Navais (Batalhão Riachuelo). Diversos eventos relacionados à segunda fase do exercício (o Tema Tático, propriamente dito) foram acompanhados de perto por integrantes do Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais do Corpo Fuzileiros Navais (CAOCFN), entre os quais haviam militares da Namíbia e de São Tomé e Príncipe, países africanos que recebem apoio do Brasil na formação técnica de seus fuzileiros navais.

Um completo Ensaio Fotográfico sobre a SUBEX-REF 2015 estará na próxima edição impressa de Tecnologia & Defesa.

Ronaldo Olive