Exército recebe dois empurradores fluviais e uma balsa

0
3014

No começo deste mês, no porto do Centro de Embarcações do Comando Militar da Amazônia (CECMA), foi realizada a incorporação de dois empurradores fluviais (Manaós e Javari) área 2, com capacidade para empurrar 1,5 toneladas, navegação de cabotagem e de uma balsa frigorificada de 200 toneladas (Yacamin).

O evento contou com a presença do chefe do Comando Logístico (COLOG), general-de-exército Guilherme Cals Theophilo Gaspar de Oliveira, também do chefe do Comando Militar da Amazônia (CMA), general-de-exército Geraldo Antonio Miotto, do comandante do 7º Distrito Naval, do vice-almirante Marcos Silva Rodrigues, do comandante da 12ª Região Militar, general-de-divisão Antonio Maxwell de Oliveira Eufrásio, do gerente do Projeto Estratégico do Exército/Sistema de Monitoramento de Fronteiras (PEE/SISFRON), do general-de-divisão Gerson Forini, além de oficiais-generais e integrantes de organizações militares.

(Imagem CECMA)
(Imagem: CECMA)

As embarcações foram construídas pelo Estaleiro Bibi Eireli, com sede em Manaus. Os recursos foram provenientes do PEE/SISFRON observando as especificações preconizadas, o elevado nível de segurança para a navegação, a economia no consumo de combustível e o conforto da tripulação, com ótimo desempenho para as longas viagens amazônicas.

(Imagem CECMA)
(Imagem: CECMA)

Os empurradores Manaós e Javari e a balsa frigorificada Yacamin contribuirão aprimorando a logística do transporte fluvial do CMA, atividade fundamental no suprimento das organizações militares da 2ª Brigada de Infantaria de Selva, em São Gabriel da Cachoeira (AM) e da 16ª Brigada de Infantaria de Selva, em Tefé (AM).

 

Ivan Plavetz