Exército do Peru recebe lote de helicópteros Mi 171

0
1812
Imagem 1 ExércitoPeru-Mi 171
(Imagem: Russian Helicopters)

A Aviação do Exército do Peru o quinto lote de helicópteros Mi 171 SH-P, proveniente da Rússia, como parte das 24 unidades encomendadas em dezembro de 2013. Composto por quatro aeronaves, o lote chegou desmontado a bordo de um avião de transporte Antonov An-124, o qual aterrissou no Aeroporto Internacional Jorge Chávez, em Callao, Lima.

Uma vez encerrados os trabalhos aduaneiros e de migração, as partes dos novos Mi 171 SH-P foram transportadas para instalações do Centro de Manutenção Aeronáutica (CEMAE), que pertence ao Exército do Peru.

O general-de-brigada Francisco Rodríguez Obando, comandante geral da Aviação do Exército do Peru, esteve presente no evento de chegada desses helicópteros, que contou com a companhia do chefe do Estado-Maior Administrativo da Aviação do Exército, coronel Alejandro Pastor de la Puente, e do chefe da CEMAE, coronel Enrique Polanco del Carpio.

Imagem 2 ExércitoPeru-Mi 171
Quinto lote de helicópteros Mi 171 SH-P para o Exército desembarcando em Lima. (Imagem: Exército do Peru)

Fabricados pela JCS Ulan-Ude Aviation Plant (UUAP), empresa integrante do conglomerado Russian Helicopters, esses helicópteros estão equipados com motores à reação Klimov VK-2500, com capacidade de gerar 2.700 Hp de potência. O painel da cabine de comando do modelo é dominado por telas digitais. Os Mi 171 SH-P possuem blindagens em áreas sensíveis como a cabine de pilotagem e de carga/passageiros. Entre as soluções técnicas adotadas no helicóptero para aumentar a capacidade no teatro de operações, foram incluídos também lançadores de flare (cargas pirotécnicas infravermelhas), sistema para dissipação de calor nos escapes dos motores e tanques de combustível auto-selantes (revestidos com espuma de poliuretano. O robusto trem de aterrissagem do Mi 171 SH-P é fixo e suporta pousos duros em terrenos rústicos.

Imagem 3 ExércitoPeru-Mi 171
(Imagem: Exército do Peru)

A aeronave tem provisões para ser municiado com pods de foguetes ar-superfície, metralhadoras e mísseis anti-carro. Internamente, o helicóptero tem capacidade para transportar até 36 soldados ou 4.000 Kg de carga e decola com peso máximo de 13 toneladas.

Ivan Plavetz