Estágio Internacional de Defesa Cibernética

0
1531
(Imagem: Exército Brasileiro)

O Centro de Instrução de Guerra Eletrônica (CIGE), organismo subordinado ao Exército Brasileiro, realizou o 1º Estágio Internacional de Defesa Cibernética para Oficiais de Nações Amigas.

Militares de 12 países da Europa, África e América do Sul participaram do estágio junto com representantes brasileiros do Exército, Marinha, Aeronáutica, da Agência Brasileira de Inteligência (ABIN), Polícia Federal e Serviço Federal de Processamento de Dados.

O Comandante do CIGE, coronel Jacy Barbosa Junior, destacou a importância do estágio: “Temos muita satisfação de poder receber militares de nações amigas, pois, além de estreitar os laços, podemos cooperar com a transmissão das nossas experiências. Como militares defensores do nosso ativo de informação, vemos que é fundamental o trabalho cooperativo, não só no âmbito da sociedade nacional, mas também na comunidade das nações amigas”.

Para o capitão do Exército da Alemanha, Sven Gloy, o estágio superou as expectativas: “Estou muito impressionado com o conhecimento e com as habilidades dos instrutores. O curso é de alto nível e aprendi muito”.

Durante o estágio, os participantes realizaram exercícios práticos e, ao término do período de atividades, lançou-se um desafio entre equipes com o emprego do Simulador de Operações Cibernéticas.