Estado-Maior da Aeronáutica tem novo chefe

0
2075
Foto 1 EMAER-Troca de Comando.
(Imagem: Agência Força Aérea)

O tenente brigadeiro-do-ar Hélio Paes de Barros Júnior assumiu ontem (28) a chefia do Estado-Maior da Aeronáutica (EMAER). Ele substitui o tenente brigadeiro-do-ar Nivaldo Luiz Rossato, designado pela presidente da República no início deste mês para assumir o Comando da Aeronáutica (COMAER).

A cerimônia de passagem de cargo foi presidida pelo comandante da Aeronáutica, tenente brigadeiro-do-ar Juniti Saito, e contou com a presença de diversas autoridades, entre elas, oficiais da Marinha e do Exército, e da secretária-geral do Ministério da Defesa, Eva Chiavon.

Em discurso, o brigadeiro Saito destacou as características que levaram os dois oficiais-generais a chefiarem o EMAER. “Hoje, tem merecido destaque esses dois oficiais-generais cujas carreiras evidenciam o conceito de liderança. Dois grandes líderes da nossa Força Aérea e que há 46 anos decolavam juntos no vitorioso voo da carreira de oficial”, afirmou.

Já o brigadeiro Rossato destacou que, apesar de curta, a experiência no EMAER proporcionou um aprendizado que será fundamental no comando da Força. “No EMAER descobri novos caminhos, onde nascem e onde criam maturidade as ideias que impulsionam e aperfeiçoam a nossa Força Aérea. Os aprendizados que adquiri serão muito importantes para as minhas ações daqui por diante”, ressaltou.

O EMAER é um órgão estratégico da Força Aérea Brasileira que tem a missão de assessorar diretamente o comandante da Aeronáutica, além de estudar e propor soluções que levem ao emprego eficaz do poder aeroespacial com o objetivo de garantir a soberania do espaço aéreo brasileiro.

O novo chefe do EMAER é natural do Rio de Janeiro, possui mais de quatro mil horas de voo e é líder na aviação de caça. Seus principais cargos foram de instrutor de voo na Academia da Força Aérea, comandante da Base Aérea de Anápolis, chefe da Comissão Aeronáutica Brasileira em Washington, diretor do Parque de Material Aeronáutico dos Afonsos, comandante do Segundo Comando Aéreo Regional e chefe do Estado-Maior do Comando-Geral de Operações Aérea.

Segundo o brigadeiro Paes de Barros, o novo cargo apresenta desafios e oportunidades de auxiliar a Força Aérea. “O principal desafio é tentar levar à frente todos os projetos estratégicos do Comando da Aeronáutica em consonância com o novo comandante, de maneira que nós possamos, pelo menos a curto prazo, estabelecer todas as metas e prazos e rever o nosso plano estratégico”, finalizou.

Ivan Plavetz