Encontro Nacional dos Guerreiros de Selva 2018 (Sucessão no EB).

0
24565
Guerreiro de Selva com Imbel IA2 5,56 mm.

Foi realizado na última sexta feira (26/10) em Brasília, no Clube Pandiá Calógeras, o Encontro Nacional dos Guerreiros de Selva 2018, com a presença do comandante do Exército Brasileiro, general Villas Boas, ele mesmo um guerreiro de selva formado em 1976.

Atual e futuro comandante do Exército Brasileiro lado a lado em evento dedicado aos guerreiros de selva.
Villas Boas, um exemplo de comando.

Presentes o general-de-exercito Pedroso, ex-comandante do CMA (Comando Militar da Amazônia) e ex-comandante do Centro de Instrução de Guerra na Selva (CIGS) e o general-de-exercito Leal Pujol, atual chefe do Departamento de Ciência e Tecnologia do Exército (DCT).

Leal Pujol é tido entre seus pares como o futuro comandante do Exército Brasileiro, se usado o critério da antiguidade (é o mais antigo da Turma de 1977 da AMAN e quer ser o comandante do Exército).

O general Leal Pujol foi o que se denomina no Exército de Tríplice Coroa, pois foi o 01 (Primeiro Colocado) nas escolas militares: AMAN, ESAO e ECEME.

Segundo comentou-se entre os presentes, o general-de-exercito Paulo Humberto deverá assumir o Gabinete de Segurança Institucional da Presidência, sucedendo ao general-de-exercito Sérgio Etchegoyen.

Participaram do evento guerreiros de selva da guarnição de Brasília e os ex comandantes do CIGS, além de convidados.

Foi prestada uma homenagem em vídeo ao comandante do Exército, general Villas Boas, que discursou aos presentes logo após.