Embraer entrega Super Tucanos para o Líbano.

0
2334
A Força Aérea Libanesa recebeu dois aviões A29 Super Tocano doados pelas autoridades dos EUA para o programa das Forças Armadas do Líbano no aeroporto de Hamat.

Outubro de 2017. Na Base Aérea de Hamat (Força Aérea Libanesa), aconteceu com honras militares a entrega de duas aeronaves de ataque leve Embraer A-29 Super Tucano (de seis encomendadas) por representantes da Força Aérea dos Estados Unidos, para militares das Forças Armadas Libanesas.

Produzidos pela Sierra Nevada/Embraer em Jacksonville (Flórida), esses dois primeiros ST fazem parte de uma encomenda realizada pelo Governo dos Estados Unidos dentro do Programa LAS para equiparem a Força Aérea Libanesa por meio de doação.

Pessoal da Base Aérea de Hamat e autoridades da USAF posam para a foto histórica: agora o Líbano pode se defender de ataques terroristas com uma arma eficaz, o A-29 Super Tucano.

A Base Aérea de Hamat, tradicional endereço de helicópteros Puma/Super Puma, também é o lar da Escola das Forças Especiais libanesas. Faz todo sentido uma unidade de aeronaves COIN/ataque leve operarem no mesmo aeroporto onde estão helicópteros que vão combater transportando seus “clientes”, os operadores de Forças Especiais.

Segundo autoridades de Washington, todos os seis aviões serão entregues nos próximos 12 meses, juntamente com armamentos compatíveis como mísseis, pods de canhões e casulos lançadores de foguetes. O treinamento para pilotos e mecânicos está sendo realizado pela Força Aérea dos Estados Unidos da América (USAF).

Com a chegada dos dois primeiros A-29 Super Tucano em Beirute, o Líbano se torna a 11º nação a operar o avião. Outros países que contam com a aeronave são Angola, Burkina Faso, Mauritânia, Afeganistão, Indonésia, Chile, Colômbia, Equador, República Dominicana e o Brasil, maior operador do modelo com mais de 90 unidades.

E a lista de operadores deve aumentar nos próximos anos. Negociam sua aquisição com a Embraer países como Gana, Senegal, Moçambique, Mali, Nigéria e Honduras.

Desde sua introdução, em 2003, mais de 200 unidades do A-29 Super Tucano já foram produzidas pela Embraer. Os modelos em operação no Afeganistão e agora, no Líbano, foram fabricados pela Sierra Nevada/Embraer.