Crise econômica faz Exército priorizar atividades

0
3059
Imagem 1 Exército-CriseEconômica
(Imagem: Exército Brasileiro – CMP)

O Exército Brasileiro (EB) está elegendo algumas prioridades em função da crise econômica que o País atravessa. Uma delas são os exercícios como a Operação Treme Cerrado, a qual terminou na última quinta-feira (22), em Formosa (GO). A ação envolveu em torno de dois mil militares, mais de 280 viaturas e aeronaves. Pela primeira vez no Centro-Oeste, foi empregado o blindado sobre rodas VBTP-MR Guarani.

Segundo o general-de-divisão Racine Bezerra Lima Filho, comandante militar do Planalto, mesmo com dificuldades econômicas, o adestramento continuará acontecendo. “Em situações favoráveis ou não do orçamento, vamos sempre cumprir com as nossas missões”, afirmou. “Vamos nos adaptar à situação que nos apresentarem. Adaptar à realidade do País, elegendo prioridades”, acrescentou o general.

Ele ressaltou que as crises fazem parte do trabalho do Exército. “Ser militar é ter condições de administrar crises”, ponderou, informando que a instituição, no Distrito Federal, também já cumpriu todas as suas demandas para as Olimpíadas de 2016. O Comando Militar do Planalto (CMP) deve fazer parte da estrutura de emprego militar para os jogos, integrando uma das cinco coordenações de defesa para as cidades onde serão realizadas as partidas de futebol.

Guarani

Imagem 2 Exército-CriseEconômica
(Imagem: Exército Brasileiro – CMP)

Durante a Operação Treme Cerrado, o Exército utilizou o Guarani. “Foi a primeira vez que empregamos este tipo de material em campo”, disse o general Racine. Na ação, foram usados 15 carros do modelo, os quais são anfíbios, frota pertencente às unidades de Brasília (DF) e de Uberlândia (MG).

Segundo o general, as missões na região são executadas em situações adversas, como a do Cerrado. “Aqui temos condições típicas de deserto, onde é muito quente de dia, com poeira, e muito frio à noite”, assinalando que as adversidades podem afetar equipamentos ou desgastar a tropa. “Mas foi uma boa experiência”, concluiu o general Racine.

Além do exercício, o Exército realizou outros tipos de atividades, como a Ação Cívico Social (ACISO). Segundo dados da Força Terrestre, foram feitos mais de cinco mil atendimentos em Planaltina (DF) e em Formosa (GO). Motociclistas do Exército também fizeram vacinação de cães em cidades e vilas da região.

Ivan Plavetz
Fonte: Fato Online