A Força Aérea do Mali recebe quatro Embraer EMB-314 Super Tucano.

0
10007
O quatro Embraer EMB-314 Super Tucano da Força Aérea de Mali receberam uma configuração de ataque leve e apoio aéreo aproximado, enquanto os dois restantes, a serem entregues, serão equipados com sistemas de vigilância e utilizados para missões de inteligência, vigilância e reconhecimento (ISR), incluindo patrulha de fronteira.

A Força Aérea do Mali recebeu quatro aviões leves de treinamento e ataque Embraer EMB-314 Super Tucano, e outros dois ainda serão entregues.

Os turboélices de ataque e treinamento avançado foram oficialmente recebidos pelo Presidente do Mali, Ibrahim Boubacar Keita, na Base Aérea 101.

A cerimônia contou ainda com a presença do Primeiro Ministro Soumeylou Boubèye Maïga e o Chefe do General da Força Aérea, Souleymane Bamba.

A República do Mali assinou contrato com a Embraer Defesa & Segurança para as seis aeronaves no Paris Air Show em 15 de junho de 2015.

A Embraer informou a época que o contrato inclui suporte logístico para a operação dessas aeronaves e o fornecimento de um sistema de treinamento para pilotos e mecânicos da Força Aérea de Mali.

Dez pilotos e 17 técnicos foram treinados para operarem de forma eficiente os novo Super Tucanos.

O Presidente do Mali, Ibrahim Boubacar Keita, na Base Aérea 101, conhecendo de perto o EMB-314 Super Tucano.

O quatro Embraer EMB-314 Super Tucano da Força Aérea de Mali receberam uma configuração de ataque leve e apoio aéreo aproximado, enquanto os dois restantes, a serem entregues, serão equipados com sistemas de vigilância e utilizados para missões de inteligência, vigilância e reconhecimento (ISR), incluindo patrulha de fronteira.

Mali está atualmente modernizando sua frota aérea e em breve vai receber mais plataformas aéreas. Entre os reforços a frota estão aeronaves de transporte.

As quatro aeronaves na Base Aérea 101.

A Força Aérea do Mali (MAF) usará o novo Airbus Military C295W complementando o anteriormente entregue, a fim de aumentar a disponibilidade logística.

Mali também recebeu dois helicópteros de ataque Mi-35M de uma encomenda antiga, em um esforço para aumentar sua capacidade de ataque a alvos no solo/apoio aéreo aproximado/interdição do campo de batalha.

Esses helicópteros, assim como outros operados por aquela Força Aérea, deverão combater junto aos novos EMB-314 Super Tucano entregues.